Rádio Observador

Sporting

Bruno Fernandes não quis os cinco milhões a que tinha direito e Thierry era observado pelo Valencia desde julho

2.030

O contrato de Bruno Fernandes diz que o médio recebe 5 milhões se o Sporting recusar uma proposta superior a 35 mas o jogador rejeitou-os. E o Valencia tinha Thierry debaixo de olho desde julho.

O capitão leonino está nesta altura com a Seleção Nacional, às ordens de Fernando Santos

LightRocket via Getty Images

Foi uma cláusula que surpreendeu os adeptos do Sporting, na altura em que saltou para as capas dos jornais, e que tornou (ainda mais) premente a transferência de Bruno Fernandes. O contrato que o médio português assinou quando voltou atrás na decisão de rescindir unilateralmente com o clube depois das agressões em Alcochete, indica que Bruno Fernandes teria de receber cinco milhões de euros caso o Sporting recusasse uma proposta superior a 35 milhões de euros pelo jogador. Ora, o Tottenham, o único clube que apresentou uma proposta formal pelo internacional português ao longo do verão, ofereceu 60 milhões de euros por Bruno Fernandes — e os leões disseram que não. Contas feitas e o médio já deveria ter por esta altura mais cinco milhões de euros na conta bancária.

Mas não tem. Segundo o jornal Record, o capitão leonino abdicou dos cinco milhões de euros a que tinha direito e vai tratar dos detalhes do novo contrato, que beneficia Bruno Fernandes a nível salarial, quando regressar da concentração da Seleção Nacional. A edição desta quarta-feira do jornal desportivo revela ainda que o médio terá avisado todos os colegas de equipa de que Marcel Keizer se tinha demitido através de uma mensagem de WhatsApp, enviada para o grupo que reúne todos os elementos do plantel — o que significa que, mesmo estando às ordens de Fernando Santos, Bruno Fernandes não esquece as responsabilidades que tem enquanto capitão de equipa e figura maior do clube, principalmente numa altura de mudança de treinador e instabilidade inerente. O jogador foi informado da saída do treinador holandês e decidiu colocar os colegas a par da situação, já que Keizer ainda orientou o treino desta terça-feira de manhã e só reuniu com a direção após a sessão, regressando ao balneário numa altura em que já estava vazio (e tendo em conta que muitos internacionais estão nesta altura com as seleções e fora de Portugal).

Marcel Keizer rescindiu então com o Sporting esta terça-feira e o adjunto que trouxe consigo para Portugal, o também holandês Roy Hendriksen, deve acompanhá-lo na saída. Ao contrário de Rodolfo Correia, treinador adjunto, Gonçalo Álvaro, preparador físico, e ainda Nélson Pereira, treinador de guarda-redes, que devem permanecer no clube e integrar agora a equipa técnica liderada por Leonel Pontes. O novo técnico leonino, antigo treinador dos Sub-23 do clube — que irão agora ser assumidos por Emanuel Ferro, ex-adjunto de Pontes –, já orientou o treino desta quarta-feira, ainda sem os dez jogadores internacionais que estão ao serviço das seleções mas já com os reforços Jesé e Yannick Bolasie (Fernando, por estar a cumprir exames médicos complementares, ainda não integrou a sessão).

Entretanto, o jornal Super Deporte revela esta quarta-feira alguns detalhes sobre a contratação de Thierry Correia por parte do Valencia. O clube espanhol ficou interessado no lateral direito desde o final de julho, altura em que foi o convidado do Sporting para o Troféu Cinco Violinos, que serve como apresentação oficial da equipa leonina aos adeptos, mas olhou para Thierry como uma opção para o futuro, face à juventude do jogador e à presença de Piccini e Wass no plantel do Valencia. Tudo mudou quando Piccini, italiano que também passou uma época em Alvalade, se lesionou gravemente: o clube espanhol olhou primeiro para o albanês Eliseid Hysaj, do Nápoles, mas desistiu face ao elevado valor pedido pelos italianos, e também colocou o nome de Nélson Semedo em cima da mesa mas as negociações com o Barcelona nunca estiveram particularmente avançadas.

O treinador Marcelino García Toral chegou a afirmar que dificilmente chegaria um lateral direito a Valencia até ao fecho do mercado mas a verdade é que, no último dia da janela de transferências, o clube espanhol conseguiu garantir Thierry Correia — não obstante as dúvidas da equipa técnica espanhola face aos apenas 19 anos do jogador e ao facto de só ter estado em cinco partidas com a equipa principal do Sporting. O Valencia vai pagar aos leões em quatro prestações de três milhões de euros, até chegar ao 12 milhões finais, e o Super Deporte explica que o clube vai esperar para observar o rendimento de Thierry e decidir no final da temporada se fica com o lateral ou se o empresta.

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: mfernandes@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)