Morreram mais duas pessoas vítimas da Covid-19 em Portugal no dia em que se registaram mais 238 novos casos positivos, um aumento de 0,5% que eleva o número total de casos confirmados para 51.310. De assinalar também que não foram registadas quaisquer novas entradas em internamento e em internamento em Unidade de Cuidados Intensivos (UCI) — pelo contrário, registaram-se menos seis pessoas no primeiro caso e menos uma em UCIs.

O aumento do número de mortes é de 0,1%, valor que coloca o total de óbitos nos 1737. Pela primeira vez esta semana, uma das mortes não foi na região de Lisboa e Vale do Tejo (LVT), mas sim no Alentejo — das 20 mortes assinaladas esta semana, só esta foi fora da região LVT.

Os zero novos internamentos por causa da covid-19 representam uma diminuição de 1,6% e as zero entradas em Unidades de Cuidados Intensivos um decréscimo de 2,4%. O número de casos recuperados aumentou para 36.783, mais 300 que ontem, e no geral estes novos dados colocam a taxa de letalidade do novo coronavírus em Portugal nos 3, 39%, valor que mantêm a tendência decrescente registada há várias semanas

Analisando os novos dados em termos de regiões vê-se que, pela primeira vez esta semana, houve uma morte fora da região de Lisboa e Vale do Tejo, que continua a liderar a lista de áreas com maior número de casos — 26231, até este sábado, teve mais 164 nas últimas 24 horas. A região do Alentejo registou uma das duas mortes do dia, apesar de ter assinalado apenas dois novos casos (é a quinta zona do país menos afetada). Na região Norte houve mais 67 novos casos (aumento de 0,4%) enquanto na zona Centro, a terceira mais afetada do país, houve um aumento de 0,2% (10 novos casos). Na zona Sul não houve novos casos (mas sim quatro recuperações).

Continua a não haver qualquer registo de novos casos nas regiões autónomas dos Açores e da Madeira.