O secretário-geral do PS, António Costa, esteve esta terça-feira em Alcácer do Sal, onde o PCP conquistou a câmara ao PS há oito anos, tendo recomendado camarões a Jerónimo de Sousa e dialogado com a população.

Numa curta paragem de cerca de 10 minutos, António Costa passou por uma banca de marisco, onde se recusou a comentar as palavras do secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, que, no dia anterior, o acusou de estar a utilizar do aparelho do Estado para conquistar votos, mas recomendou-lhe o camarão.

Jerónimo acusa PS de usar aparelho do Estado para conquistar votos

“Acho que ele gostava de certeza, porque ele gosta de boa comida!”, disse, entre sorrisos, pouco menos de 24 horas depois de o líder comunista ter passado no mesmo local.

Acompanhado pela candidata socialista ao município, Clarisse Campos, o secretário-geral do PS dirigiu-se até ao Largo Luís de Camões, no centro da cidade, tendo sido interrompido no caminho por uma senhora de 75 anos, em prantos, que apelou a que o Governo fizesse alguma coisa ao nível das autarquias, porque há muitas pessoas que, como ela, ainda trabalham, “porque o dinheiro não chega” e porque senão “morre à fome“.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“Por isso é que temos vindo, passo a passo, a aumentar as pensões mais baixas”, respondeu António Costa.

No largo, o secretário-geral do PS, acompanhado pela mulher, tomou um café com Clarisse Campos, tendo escutado a candidata socialista a afirmar que, depois de oito anos de liderança comunista, as pessoas do concelho estão com “muita vontade de mudança”.

“Há quatro anos, ficámos a 300 votos. E, portanto, este ano estamos convictos de que, no dia 26, vamos estar ali já com a vitória para o PS e, principalmente, para fazer um trabalho como deve ser para o concelho de Alcácer do Sal”, frisou.

Pouco depois do café, apesar de ter sido montado um púlpito para que o secretário-geral discursasse para os cerca de 50 simpatizantes que se tinham amontoado no largo, António Costa escusou-se, afirmando ter de partir para Évora onde tinha um comício. Ainda recebeu uma “t-shirt” da campanha local e despediu-se da população.

À Câmara Municipal de Alcácer do Sal, concorrem Vítor Proença (CDU), Clarisse Campos (PS), Gonçalo Nunes (PSD/CDS-PP/MPT/Aliança/PPM) e João Alves Paiva (Chega).