[este artigo foi originalmente publicado a 21 de maio e republicado a propósito do incêndio em Monchique]

Quais são as zonas do país onde há maior risco de grandes incêndios no verão que se aproxima? Foi para responder a esta questão que a Estrutura de Missão para os Fogos Rurais pediu à equipa do Centro de Estudos Florestais (CEF), do Instituto Superior de Agronomia (ISA), que fosse feito um mapa de risco, numa tentativa de pegar no conhecimento científico existente nesta área e aplicá-lo na atuação das equipas de prevenção e combate a incêndios.

O mapa produzido indica a probabilidade de arderem mais de 250 hectares, por cada área de 400 hectares onde se verifiquem condições favoráveis aos incêndios. No top 20 dos concelhos (e respetivo distrito) com maior risco estão:

  1. Monchique (Faro)
  2. Oleiros (Castelo Branco)
  3. Caminha (Viana de Castelo)
  4. Vila Nova de Cerveira (Viana do Castelo)
  5. Vila Nova de Paiva (Viseu)
  6. Aljezur (Faro)
  7. Vila de Rei (Castelo Branco)
  8. Covilhã (Castelo Branco)
  9. Proença-a-Nova (Castelo Branco)
  10. Moimenta da Beira (Viseu)
  11. Viana do Castelo (Viana do Castelo)
  12. Vila Pouca de Aguiar (Vila Real)
  13. Baião (Porto)
  14. Celorico da Beira (Guarda)
  15. Gavião (Portalegre)
  16. Sardoal (Santarém)
  17. Sertã (Castelo Branco)
  18. Chamusca (Santarém)
  19. Portimão (Faro)
  20. Ponte da Barca (Viana do Castelo)

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.