O Conselho de Segurança das Nações Unidas pediu hoje o cessar-fogo entre Israel e Palestinianos na Faixa de Gaza, numa altura em que já se contam pelo menos 133 mortos do lado dos palestinianos, e pede que regressos nas negociações de paz.

Em comunicado, os 15 membros do Conselho de Segurança falaram finalmente sobre o conflito que tem ficado cada vez mais mais violento, pedindo um recrudescimento do conflito, que se restaure a calma e que se retomem as negociações de paz entre as duas partes.

Segundo a CNN, que cita fontes do lado palestiniano, pelo menos 133 palestinianos já morreram em resultado das operações levadas a cabo pelas forças armadas israelitas.

Por sua vez, Israel diz que já foi atingida por mais de 40 rockets disparados do lado palestiniano.
Esta é primeira vez desde que começaram estes incidentes que o Conselho de Segurança se pronuncia.