Os Serviços Meteorológicos e Geofísicos de Macau hastearam esta quinta-feira às 17h30 horas locais (10h30 horas em Lisboa) o sinal número 3 de tempestade tropical devido à aproximação do tufão Linfa.

Os sinais de tempestade tropical – numa escala de 1 a 10 e onde não existem o 4, 5, 6 e 7 – são hasteados tendo em consideração não só a aproximação da tempestade à cidade, mas também a intensidade dos ventos.

Segundo a informação disponível no portal dos Serviços Meteorológicos e Geofísicos, o Linfa estava às 17h00 horas (10h00 horas em Lisboa) a cerca de 190 quilómetros a lés-nordeste de Macau e a encaminhar-se para a foz do Rio das Pérolas.

Prevê-se o aumento da intensidade do vento, mas até às 22h00 horas (15h00 horas em Lisboa) não é muito provável que o sinal 3 venha a ser substituído por outro sinal mais elevado, segundo a página de Internet dos serviços.

Em Hong Kong foi entretanto hasteado, pela primeira vez este ano, o sinal 8 face à aproximação do Linfa.

Todas as escolas, creches e centros para idosos foram encerrados e os residentes que vivem nas zonas periféricas foram aconselhados a anteciparem os regressos a casa, de forma a evitar congestionamentos nos serviços de ‘ferry’, escreve a Rádio e Televisão Pública de Hong Kong (RTHK).

O Governo chinês suspendeu esta quinta-feira os serviços de comboios, fechou escolas e fez regressar ao porto milhares de barcos na província de Guangdong, devido à chegada do tufão Linfa.

O Linfa tocou terra na cidade de Shanwei, no sul da província, pelo meio-dia (05h00 horas em Lisboa).