A Autoridade da Concorrência vai dar luz verde à compra da Media Capital, a dona da TVI, pela Cofina, avançou esta quarta-feira o Dinheiro Vivo, que teve acesso ao projeto de decisão do regulador. Entretanto, o Observador confirmou esta informação junto de uma das partes interessadas no negócio e junto de fonte oficial da Concorrência.

“O conselho de administração da Autoridade da Concorrência (…) propõe-se adotar uma decisão de não oposição à presente operação de concentração (…) uma vez que a mesma não é suscetível de criar entraves significativos à concorrência efetiva nos mercados identificados como relevantes”, escreve o regulador no documento citado pelo jornal económico do grupo Global Media.

As partes interessadas no negócio – além da Cofina e da Media Capital – inclui grupos como a Global Media, a Imprensa, a Vodafone e a NOS.

Acordo para Cofina comprar dona da TVI envolve Mário Ferreira e espanhola Abanca

Segundo o Dinheiro Vivo, o regulador “já está a notificar as partes interessadas desta sua decisão de não oposição ao negócio com um valor empresarial de 225 milhões de euros”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Uma fonte oficial da Concorrência disse ao Observador que “o projeto de decisão está sujeito a audiência prévia dos contra-interessados por um período de 10 dias, após o qual será divulgada uma decisão final”.

ERC não se opõe à compra da TVI pela Cofina

O negócio, avaliado em 255 milhões de euros, já tinha sido validado pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) e pela Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom). Em 03 de outubro, a AdC adiantou que já tinha sido notificada da compra da Media Capital pela Cofina.

Em 21 de setembro, a Cofina anunciou que tinha chegado a acordo com a espanhola Prisa para comprar a totalidade das ações que detém na Media Capital, valorizando a empresa (‘enterprise value’) em 255 milhões de euros.

Uma empresa pode ser dona de dois canais de tv? Quatro respostas sobre a compra da TVI pela Cofina

O grupo Cofina detém, além do Correio da Manhã e do Record, a CMTV, o Jornal de Negócios, a revista Sábado, entre outros títulos.

Por sua vez, a Media Capital conta com seis canais de televisão e a plataforma digital TVI Player. Além da TVI, canal generalista em sinal aberto que celebra 26 anos, conta com a TVI24, TVI Reality, TVI Ficção, TVI Internacional e TVI África. A Media Capital tem também rádios, onde se inclui a Comercial e a M80, bem como a produtora Plural.

Entrevista. Mário Ferreira, magnata dos media? “Comigo é para ganhar dinheiro”