Em Busca da Felicidade

Vivemos numa sociedade que nos encoraja, cada vez mais, a procurarmos ser felizes.

Acredito que a intenção por detrás da pressão social é bastante positiva, visto que o objetivo é estarmos num bom estado emocional, dado que as nossas emoções são o fator que mais determina a nossa qualidade de vida.

Contudo, a felicidade de que tanto se fala é incentivada a ser procurada, e encontrada, no mundo exterior. Falo de exterior como externo ao ser, externo à nossa experiência interna da vida. A publicidade diz-nos que vamos ser felizes quando comprarmos aquele carro, aquele vestido, ou aquele perfume. As redes sociais dizem-nos que vamos ser felizes quando fizermos aquela viagem, quando tivermos aquele corpo, ou aquela quantidade de likes numa fotografia. A sociedade no geral diz-nos que vamos ser felizes quando tivermos um bom cargo, numa boa empresa, com prosperidade financeira.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.