“O fornecimento de água cessará completamente às 21:00 (19:00 em Portugal) “, refere a presidente num comunicado hoje divulgado. A medida explica-se com o facto de uma linha elétrica que alimenta a principal estação de tratamento de águas ter sido danificada.

“É impossível avaliar no imediato a extensão dos danos e prever a duração dos trabalhos de reparação, por causa do conflito”, pode ler-se na nota.

Combates entre o exército ucraniano e separatistas pró-russos prosseguem nas regiões de Donetsk e Lugansk, que estão praticamente cercadas por forças de Kiev.

Pelo menos dez civis foram mortos e oito ficaram feridas nas últimas horas na cidade de Donetsk, onde vários prédios residenciais foram danificados esta manhã por fogo de artilharia pesada.

Em menos de uma semana, mais de 90 civis foram mortos e mais de 130 ficaram feridos na região de Donetsk.