“O Podemos provocou um sismo sem precedentes na política espanhola”. É assim que o El País noticia este domingo uma sondagem que coloca este partido, pela primeira vez, à frente de todos os outros nas intenções de voto dos espanhóis.

O Podemos alcança 27,7% dos votos, ultrapassando por pouco o PSOE com 26,2%. O PP, partido no Governo em Espanha, cai para 20,7%. Os votos em branco atingem um elevado valor de 18,2%.

Segundo a análise do jornal espanhol, o Podemos, liderado por Pablo Iglesias, consegue este resultado roubando a maior parte dos votos ao PP – em relação à anterior sondagem, realizada há um mês, tira 7 pontos percentuais ao PP e 1,5 ao PSOE.

O Podemos foi criado há oito meses e teve, nas eleições europeias de maio, quase 8% dos votos, conseguindo assim eleger cinco candidatos.

O trabalho de campo para esta sondagem foi feito antes da semana negra em que foram detidos dirigentes e pessoas ligadas ao PP numa operação de combate à corrupção que levou o Presidente do Governo Mariano Rajoy a pedir desculpa em nome do partido.