Ninguém melhor que José Rebelo Pinto conhece o Mercado de Fusão do Martim Moniz. Não admira, por isso, que o empresário, responsável pela empresa concessionária do espaço, a NCS, tenha percebido que o que faltava à praça era um quiosque semelhante aos que não faltam por essa Ásia fora: espetadas. Ou melhor, “cenas no espeto”, como a própria empresa anuncia.

“Este é um dos produtos mais fortes a nível mundial, em termos de street food. Como queríamos algo que ainda não existisse no Martim Moniz, decidimos apostar neste conceito”, explica José, que se uniu a mais dois sócios neste projeto: Mafalda Malafaya, que vem da área da publicidade e formou-se recentemente em gestão e produção de cozinha e Abdul Wahid, chefe de cozinha do restaurante Zaafran.

E como é que isto dos P.A.U.S funciona? Simples: os clientes escolhem entre um (1,50€), três (4,50€) ou seis (8€) sticks, que podem vir com acompanhamento ou não. Os menus de três e seis já trazem, por exemplo, roti, o famoso pão indiano, e uma taça de salada. Do espeto pode constar vitela, borrego, frango ou lula, com diversos temperos, influências geográficas – do Japão à Tailândia e do Mediterrâneo à Índia – e níveis de picante.

Paus1

Quatro das oito propostas de P.A.U.S são picantes. Esta é uma delas. Foto: Paulo Sousa Coelho ©

Para complementar a refeição ou reforçar um estômago, há uma sopa indiana, a dhaal, com lentilhas vermelhas e caril em pó, as universais chicken wings ou pastéis de vegetais.

Se tudo correr bem, a vida dos P.A.U.S não se ficará apenas pelo Martim Moniz. Segundo José Rebelo Pinto, os responsáveis já estão a trabalhar num conceito móvel para expandir a marca dentro do mercado, também ele em expansão, da street food. P.A.U.S em movimento, portanto.

Nome: P.A.U.S
Morada: Mercado de Fusão, Praça do Martim Moniz, Lisboa
Horário: Todos os dias das 12h00 às 20h00 (sexta e sábado até às 22h00)
Preço médio: 6€