Todas as pessoas têm as suas próprias teorias sobre como curar uma ressaca, muitas delas adquiridas por experiência própria. Pizzas, hambúrgueres, Coca-Cola, água com fartura, muito café ou um Guronsan antes de ir para a cama, vale tudo. No entanto, todas sabem também que, independentemente da estratégia usada, o mal-estar não desaparece por completo.

Como acabar então com uma ressaca de uma vez por todas? Novos estudos mostram que a solução existe e, pasme-se, passa por um inocente sumo de pera.

Investigadores da Commonwealth Scientific and Industrial Research Organization, uma organização de pesquisa científica do governo australiano, descobriram que as pessoas que beberam 220 mililitros de sumo de pera asiática antes de começarem a beber álcool tiveram menos ou nenhum sintoma de ressaca no dia seguinte.

De todos os sinais que se seguem a uma noite bem regada, aquele em que o sumo mais ajuda é na capacidade de concentração. Além de que a bebida é conhecida por ter propriedades anti-inflamatórias, o que significa que a dor de cabeça geralmente associada à ressaca vai acalmar substancialmente ou mesmo nem existir.

A razão por trás deste fenómeno não é clara, mas Manny Noakes, autor do estudo, disse à Delish que o sumo de pera contém enzimas que aceleram o metabolismo e inibem lentamente a absorção do álcool. Já em 2013 um outro estudo indicava resultados no mesmo sentido.

Para o remédio caseiro funcionar, o sumo deve ser ingerido antes de começar a beber álcool — se o tomar só quando chegar a casa não vai adiantar muito. E atenção à qualidade do fruto. Por enquanto não existem estudos que mostrem que outras espécies de peras para além das asiáticas tenham os mesmos benefícios – é torcer para que a Pera Rocha do Oeste seja igualmente milagrosa.

Por agora, os investigadores estão focados em descobrir se comer a fruta tem o mesmo efeito do que beber o sumo. Se não quiser esperar pelos resultados, sempre pode fazer o teste, não há qualquer contra-indicação.