Ao longo da sua carreira, a estrela do boxe Mike Tyson amealhou 300 milhões de dólares. Com eles, construiu uma vida de luxo com propriedades espalhadas pelo mundo, carros topo de gama e uma vida social abastada. Mas tudo teve um fim: nos anos noventa, Mike Tyson começou a afogar-se em dívidas, acabando por anunciar bancarrota em 2004. Pouco antes, já tinha deixado ao abandono uma mansão com quase 25 hectares, cinco quartos, uma piscina luxuosa, um campo de basquetebol e até espaço para jaulas de tigres.

As imagens recolhidas pelo site Illicit Ohio ainda mostram os outros tempos da mansão: embora entregues ao pó e ao vandalismo, ainda é possível encontrar algum material tecnológicos, candelabros de cristal e um espaço para festas na piscina maior do que a maior parte das casas. Tudo isso terminou em 1991, quando Mike Tyson foi condenado a seis anos de prisão por um crime de violação. Saiu quatro anos mais tarde em direção à mansão em Ohio e com o público de olhos postos nele. Mas a vida já havia mudado muito e o atleta foi obrigado a vender a casa.

A mansão foi vendida por 1,3 milhões de dólares, mas passou de mãos em mãos. Agora, a mansão está na calha para ser transformada numa igreja. Pode ver as imagens da casa na fotogaleria e encontrar outras mais em Illicit Ohio.