O presidente norte-americano voltou a ameaçar a Coreia do Norte esta quinta-feira. Donald Trump garantiu que o país de Kim Jong-un vai ter problemas “como poucas nações tiveram” se não “se acalmar”, avança a Associated Press.

Ou [a Coreia do Norte] se acalma ou vai ter problemas como poucas nações tiveram”, disse Trump em declarações aos jornalistas no clube de golfe, em Bedminster, Nova Jérsia.

Donald Trump considerou que a afirmação que fez na passada terça-feira não foi suficiente — avisou a Coreia do Norte com “fogo e fúria como o mundo nunca viu” se o país voltasse a ameaçar os Estados Unidos. “Não foi suficientemente forte”, defendeu. O presidente norte-americano comentou ainda a ameaça da Coreia do Norte à ilha de Guam: “Acontecerá na Coreia do Norte algo nunca antes visto. Isto não é uma provocação, é um facto”, assegurou.

Ele disse coisas horríveis. Comigo não se safa. Safou-se durante muito tempo, mas isto agora é outro campeonato. Aquelas coisas que ele diz, vai deixar de as dizer. E as coisas que tem feito, certamente também não vai continuar a fazer”, garantiu o presidente sem referir o nome do líder norte-coreano.

O presidente norte-americano recusou dizer se os EUA estavam a considerar um ataque militar preventivo, argumentando que a sua administração nunca discute essas decisões publicamente. Ainda assim, Trump revelou que está a melhorar o armamento do país, que está “a ficar cada vez mais forte”.

Gostaríamos que todos os países se livrassem das suas armas nucleares, mas até isso acontecer nós seremos, de longe, a nação nuclear mais poderosa do mundo”, disse ainda.

As declarações de Donald Trump dos últimos dias surgem na sequência da publicação de um relatório citado esta terça-feira pelo jornal The Washington Post que revela que a Coreia do Norte terá conseguido diminuir suficientemente a dimensão de uma bomba nuclear de forma a conseguir incorporar o engenho num dos seus mísseis intercontinentais.

Trump ameaça Coreia do Norte com “fogo e fúria” como o mundo nunca viu

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR