O presidente dos Estados Unidos da América respondeu esta quarta-feira às palavras do líder da Coreia do Norte que disse que tem “o botão nuclear” na sua secretária. A resposta veio num tom igualmente ameaçador, com Donald Trump a escrever no seu Twitter: “O meu botão é maior e mais poderoso do que o dele e o meu funciona!”.

No tweet publicado, Trump pediu que alguém do “regime esgotado e faminto”de Kim Jong-un possa informá-lo da capacidade dos EUA em matéria nuclear.

Na segunda-feira, no discurso anual ao seu país, o líder norte coreano anunciou que o completou o programa nuclear no ano que passou, alertando diretamente os Estados: “O botão nuclear continua na minha secretária. Não se trata de uma chantagem, mas da realidade”. A resposta dos EUA apareceu, pelo punho do próprio presidente, imediatamente no dia seguinte (noite de terça nos EUA, madrugada em Portugal).

Além da questão nuclear, Donald Trump publicou ainda outro tweet, desta vez em matéria de comunicação social. O presidente dos EUA revelou ainda que na próxima segunda-feira à tarde vai “anunciar” o vencedor do “prémio ‘o meio de comunicação social mais desonesto e corrupto do ano'”. De acordo com Trump, o prémio vai incluir “a desonestidade e a má cobertura jornalística de várias categorias da comunicação social que divulga notícias falsas”. “Fique ligado!”, desafia o presidente americano dirigindo-se aos seus seguidores.