A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) decidiu suspender de negociação esta sexta-feira as ações do BES, à espera da divulgação de informação relevante que o banco irá comunicar ao mercado, numa altura em que as ações desvalorizavam 40,3%.

“O Conselho Diretivo da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários deliberou, nos termos do artigo 214º e da alínea b) do n.º 2 do artigo 213º do Código dos Valores Mobiliários, a suspensão da negociação das ações do Banco Espírito Santo, SA até à divulgação de informação relevante sobre o emitente”, informou a CMVM em comunicado.

As ações do BES seguiam em forte desvalorização numa semana marcada pelos prejuízos históricos que apresentou no primeiro semestre do ano, 3,58 mil milhões de euros.

Por altura da sua suspensão, as ações perdiam 40,3% e já valiam apenas 0,12 euros.

Na sessão desta quinta-feira, a primeira depois de serem conhecidos os resultados do banco no primeiro semestre, as ações do BES perderam 42,07%.