O Rock in Rio regressará a Lisboa em junho de 2020 e garante nova edição em 2022, no Parque da Bela Vista, foi anunciado esta quinta-feira.  A nona edição do Rock in Rio Lisboa decorrerá repartida por dois fins de semana, nos dias . A empresa Galp entra como principal patrocinador do festival para as duas próximas edições.

A organização fez esta quinta-feira o anúncio das datas numa apresentação à imprensa a propósito dos 15 anos da primeira edição do evento em Portugal, em 2004, no Parque da Bela Vista.

O Rock in Rio é um evento de música e entretenimento criado pelo publicitário Roberto Medina e aconteceu pela primeira vez no Rio de Janeiro em 1985. A estreia do festival fora do Brasil deu-se em Lisboa em 2004. Desde 2011, o festival tem acontecido de forma intercalada entre os dois países.

Para assinalar os 15 anos do festival em Portugal e para antecipar o encontro entre artistas portugueses e brasileiros no Brasil, a organização anunciou hoje uma série de concertos entre abril e maio no Capitólio, em Lisboa. O primeiro concerto está marcado para 11 de abril, com os portugueses Capitão Fausto a tocarem com os brasileiros O Terno, grupo do qual faz parte o músico Tim Bernardes, que já se apresentou a solo anteriormente em palcos nacionais.

Seguir-se-ão atuações de Blaya com Lellê (30 de abril), Agir com o brasileiro Rael  (23 de maio) e de Carolina Deslandes com o trio de irmãos Melim (28 de maio). Cada um dos concertos terminará com atuações de Diego Miranda, Kura, Deejay Kamala e Van Breda.

De 31 de maio a 2 de junho deste ano, o Rock in Rio organizará ainda em Lisboa um encontro de gaming, tal como aconteceu no Parque da Bela Vista em 2018. As celebrações dos 15 anos da estreia do Rock in Rio Lisboa terminam em setembro (nos dias 6 a 8) junto à Torre de Belém, com o espetáculo “Celebration”, “numa simbiose de música, video mapping e o maior fogo-de-artifício jamais visto no Tejo”.