A pintora Paula Rego foi distinguida com o prémio Carreira pela Harper’s Bazaar, uma das mais influentes revistas de moda do mundo, que todos os anos premeia as mulheres que se destacaram em várias áreas, desde a representação à música, pintura ou escrita.

Aos 84 anos, Paula Rego recebeu o prémio “Lifetime achievement” (Prémio Carreira). “Ao longo de sete décadas, a artista tem protagonizado uma revolução silenciosa através do poder visceral das suas pinturas subversivas”, escreve a Harper’s Bazaar sobre a artista.

Entre as distinguidas deste ano estão a atriz Cate Blanchet (Prémio de Filantropia), a pintora Celia Paul (Artista do ano), a atriz Helena Bonham Carter (Ícon Britânica), a escritora Jeanette Winterson (Escritora do Ano) e a cantora Jorja Smith (Cantora do Ano).

Os prémios foram entregues no evento Harper’s Bazaar Women of the Year Awards, em Londres, a 29 de outubro.

Paula Rego recebeu o prémio Lifetime Achievement (prémio Carreira)

Paula Rego vive em Londres, no Reino Unido, desde a década de 60. Tem dupla nacionalidade, portuguesa e britânica. Em 2010 foi distinguida com o grau de Dame Commander of The Order of the British Empire pela rainha Isabel II, pela sua contribuição para as artes, e em 2016 foi homenageada com a medalha de honra da cidade de Lisboa. Já este ano, em julho, foi distinguida em Londres com a Medalha de Mérito Cultural pela ministra da Cultura, Graça Fonseca, que admitiu que “faltava este reconhecimento” pelo Governo português.

O trabalho da pintora foi recentemente alvo de uma retrospetiva “Paula Rego: Obediência e Desafio”, em Milton Keynes, a norte de Londres, que abrange a obra desde os anos 1960 até 2011, com mais de 80 trabalhos, entre desenhos, colagens e pinturas. A exposição vai ainda passar pelo museu Scottish National Gallery, em Edimburgo, e pelo Irish Museum of Modern Art, em Dublin. As obras focam-se sobretudo na crítica política e social.

A 24 de outubro, a Fundação de Serralves inaugurou a exposição “Paula Rego. O Grito da Imaginação”, com algumas obras da pintora realizadas entre 1975 e 2004.