248kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Poupe na sua eletricidade com o MEO Energia. Simule aqui.

Guilherme Valente

Convidado

Artigos publicados

Cultura

Um Governo de um país iletrado

A política de um Governo minimamente esclarecido e patriótico deve ter como objectivo central e último o fomento da criatividade, da qualidade da edição e da divulgação, do consumo estelar dos livros.
Racismo

Movimentos protonazistas

Se quisessem realmente que as minorias ascendessem e vivessem melhor, deviam, antes, combater por uma consistente integração, desde logo por uma escola de qualidade, qualificadora e exigente.
Racismo

Oxalá não falte um Churchill

Quero confessar-lhe um pecado, acto que como é meu timbre logo assumi num artigo de jornal, talvez isso atenue a minha culpa. Assinei a tal petição.
Livros

Um destino fatídico?

No panorama pós-pandemia, o que restará do sector editorial e livreiro? Na distribuição circence do bolo que anuncia, irá ter o Governo um critério que tenha noção da pluralidade a preservar?
Politicamente Correto

Obrigado, General Eanes, por se juntar ao combate

659
“Esquerda nova”, chamou-lhe o Senhor General, eu chamo-lhe a velha extrema-esquerda, os jovens de hoje como os de ontem dependentes de todas as tiranias.
Futuro

Da torre de Montaigne

No início da Idade Média, foram os bárbaros que quiseram civilizar-se. Os mais recentes, nazismo e comunismo, a liberdade venceu-os. O drama hoje é a rendição do Ocidente à nova barbárie.
Ana Gomes

Um candidato MRPP... com 66 anos!

476
“Se for eleita PR não apertarei a mão a André Ventura”. Mas André Ventura não é um deputado da AR eleito democraticamente? É um delinquente, tem cadastro? Não foi escolhido pelo povo?
Crónica

A era da mentira

Primeiro foi servidão imposta a golpes de terror. Depois aceite, a seguir voluntária, hoje desejada. São dias de obscurantismo ultra-relativista do tudo igual a tudo, a verdade à mentira, o bem ao mal
Feminismo

O homem que gostava de mulheres 

Há 50 anos era o Maio de 68 a reclamar o gozo do prazer que até aí só os homens podiam assumir. Hoje é a maldição da carne, a denúncia opressiva da “tirania” do desejo.
Ensino Superior

A causa das causas

De todos os países da Europa que tiveram contactos com China, fomos o último em que a universidade revelou algum interesse pelo conhecimento da civilização e da história chinesas.
Estado

Um totalitarismo novo

266
Cada vez mais gente quer maior protecção, escapar dos constrangimentos, refugiar-se da vida, deixando de ver o perigo para a liberdade, o excesso de "bondade" de um Estado a quem pedimos tudo.
Pandemia

Quem fala assim, não é gago!

Fernando Medina falou e falou bem. Uma guerra não se ganha sem comando, a DGS não tem comando. As tropas andam em roda livre, sem projecto, nem disciplina, sem avaliação que exija e lhes pese.
China

A China do nosso ressentimento autofágico

Terão estes brilhantes comentadores a mais ínfima noção do que significará para o mundo - e para nós - uma travagem do desenvolvimento da China, desse sexto do mundo?
Obituário

Stanley Ho, uma memória pessoal

A fortuna é para um chinês a evidência lúdica para si próprio de uma capacidade pessoal. Mesmo, porventura, de uma qualquer escolha do Céu. E é certificado de um serviço à comunidade.
Woody Allen

Um neo-totalitarismo. Invencível?

126
O neo-totalitarismo é uma realidade global, uma multinacional sem centro, sem comando identificável, uma web enigmática, como é a Web, onde nenhum conteúdo na realidade se sabe onde está.
Isabel dos Santos

Há mais heróis para baterem numa mulher no tapete?

Se compreendo que faça a sua defesa com os meios a que tem direito, com uma argumentação digna da mulher inteligente que é, o que me choca e decepciona é que se tenha afirmado vítima de... racismo!
Partido LIVRE

Hipocrisia, tontice, ignorância, fartar vilanagem!

119
Por isso foi lúgubre ver o homem que julgava dever esperar ser Sá Fernandes colocar-se exactamente na posição igual (que ele julgará inversa), na argumentação, na cegueira, exibidas por André Ventura.
Liberdades

O custo da procura e expressão da verdade

Vivemos numa cultura assim, no vazio de confiança. Confiança que é condição do desenvolvimento das sociedades, do progresso humano, presos no registo persistente da tradição de inquisições recorrentes
Política

O regresso das uniões nacionais

É no contexto de expectativas frustradas, de displicência, cobardia reformadora, venalidade dos que traficam o regime, transacionam tudo e seguem a opinião da turba que brotam e engordam os populismos
História

Servos do Apocalipse

627
É à difamação, tentativa de chantagem, humilhação de Portugal e dos Portugueses, que o Estado, o Governo, os Partidos, a Assembleia, o Presidente continuam a assistir com um silêncio inexplicável.
A página está a demorar muito tempo.