Logo Observador
Lifestyle

Artistas caprichosos ou os pedidos mais estranhos que eles fizeram em 2015

Camarins para bebés ou um motorista para água, os artistas podem dar-se ao luxo de exigir o que lhes apetece. E todos os anos há novidades, para desgraça das equipas de produção.

Jack White tem uma receita de guacamole especial no seu contrato.

David Wolff - Patrick / Getty Images

Ser uma estrela terá vários contras, principalmente para aqueles que preferem o anonimato. Mas se há contras, também há os prós. Sobretudo se existe uma legião de pessoas dispostas (ou obrigadas, vá) a satisfazer os desejos mais caprichosos dos famosos. E se assim é, por que não aproveitar? Vários são os que o fazem, claro está, e outros tantos os que se excedem nos caprichos. E é aqui que entra a quase bizarria.

Os membros da banda Van Halen, por exemplo, exigem M&M´s, mas com uma condição: não pode haver um único de cor castanha. Aliás, sobre este tema, a banda fez questão de escrever no contrato em letras garrafais: “EM NENHUMA CIRCUNSTÂNCIA”. Já os elementos dos Coldplay exigem à produção dos espetáculos que lhes deixem postais da cidade onde se encontram para enviar aos filhos.

Uns mais extravagantes que outros, o certo é que a maior parte dos artistas aproveita para fazer pedidos, no mínimo, engraçados. A rapper Nicki Minaj resumiu bem o aproveitamento: “Quando exijo algo chamam-me nomes e quando a mesma coisa é exigida por um homem, chamam-lhe chefe”. Por isso, diz Minaj, “Se bebo sumo de pickles, dão-me sumo de pickles”.

Conheças outras excentricidades exigidas ao longo deste ano.

Jeremy Clarkson: o apresentador exige 20 garrafas de vinho. Sim, têm de ser 20

O ex-apresentador do Top Gear (o livro do Guiness destaca o programa como o mais visto, com 350 milhões de espetadores) era um dos principais responsáveis pela entrada de 200 milhões de euros anuais nas caixas da BBC. Quem podia dizer a Clarkson que não se podia dar a caprichos? Por isso, enquanto viajava pelo mundo para gravar o programa, o apresentador exigia:

  • 20 garrafas de vinho
  • 24 de Bombay Sapphire
  • mesas com toalhas de linho
  • um sofá para seis pessoas
  • cigarros
  • uma Playstation 3 com o jogo Call of Duty
  • um jogo Pictionary
  • estar próximo de um McDonalds, onde possa ir no Range Rover que também exige ter nas suas gravações mundo fora

Houve uma vez, conta o jornal El Pais, que Jeremy Clarkson estava longe de casa e exigiu que lhe trouxessem (de helicóptero, pois) o seu molho preferido (gravy). Passadas 22 temporadas, a BBC despediu o apresentador devido ao seu caráter desagradável e às suas exigências. Desde então, todos os apresentadores que sonham substitui-lo são ameaçados de morte pelos fãs de Clarkson. Nada fácil.

Jack White: receita de abacate no contrato

O vocalista dos White Stripes (que também tem uma carreira a solo) gosta de guacamole, mas à sua maneira. E gostos não se discutem. Jack White pode e não se põe com meias medidas: quer guacamole de acordo com uma receita, e apenas essa, que disponibiliza no contrato:

O abacate deve ser cortado ao meio e a semente retirada e posta de parte [não deitada fora, atenção]. Depois, a polpa deve ser cortada com uma faca que não pode estar afiada, três ou quatro linhas na vertical, três ou quatro linhas na horizontal (…). Adicionar a semente e sumo de limão para evitar que fique castanho. (…) Gosto que esteja frio, mas não o preparem com demasiada antecedência, pois também gosto que esteja sólido”.

Pois bem.

Mariah Carey: só bailarinos, e claros, para salientar o bronzeado

A cantora ganha 70 milhões ao ano muito graças ainda à música All I Want For Christmas is You (que até este ano foi a canção de Natal mais ouvida de sempre) e pode dar-se ao luxo de ver os seus caprichos facilmente concretizados. Mariah Carey tem, por exemplo, uma assistente só para lhe levar um copo com uma bebida (e uma palhinha) sempre que ela dá o sinal: “Tenho sede”.

Mas a exigência mais recente, que surgiu ao longo deste ano, é outra: Mariah Carey não quer uma única mulher em palco e os bailarinos têm de ter todos de pele clara. Pálidos, mesmo. Porque assim o seu bronzeado é mais notado.

Katy Perry: o motorista não pode olhar para ela

Para as suas tournées mundiais de 2015, que não foram poucas, Katy Perry redigiu um contrato de 45 páginas. E, com tão largo documento, era de esperar que surgissem alguns pontos mais hilariantes. Seguem alguns:

  • que ninguém se atreva a tocar-lhe nas mãos
  • o motorista não pode olhar para a artista, nem começar uma conversa, nem sequer dirigir-se a ela. Também não pode assumir nada sem lhe perguntar antes.
  • o seu quarto ou camarim deve estar sempre decorado com flores rosas e brancas (nunca vermelhas).

A artista explica as exigências: “Estou sempre muito cansada e preciso conforto”. E cada um descansa como quer. Ou como pode.

Leo Messi: banheiras de hidromassagem para eles, um guarda-costas para Messi

E quem são eles? Os companheiros da seleção argentina. Os caprichos foram feitos pela AFA (Associação de Futebol Argentina) durante a Copa América 2015. A AFA exigiu que os jogadores ficassem em La Serena, uma região no norte do Chile. Ali, os jogadores podiam estar tranquilos. O hotel recebeu um lista dos jogadores e a AFA teve de pagar os encargos, que não foram poucos:

  • a construção de três jacuzzis (dois frios e um quente)
  • uma piscina climatizada a 28 graus, nem mais nem menos
  • um salão de jogos
  • um cinema
  • Messi, por seu lado, pediu um guarda-costas pessoal e um assistente cuja única função era atender aos seus pedidos e da sua família.

Mas, pelos vistos, a quantidade de exigências e de tranquilidade, não lhes serviu de nada. Perderam.

Christina Aguilera: uma massagista… só para os pés

A artista, que não é conhecida por ser simpática, pediu ao canal NBC que lhe disponibilizasse uma massagista durante a gravação da versão americana do programa The Voice. Aguilera passava o programa sentada, como ficam os membros do júri do programa – o único movimento que tinha de fazer era virar a cadeira… E a artista exigiu uma massagista para os pés.

Mais: a cantora pediu ainda uma patrulha policial para a acompanhar ao estúdio. É que, assim, se houvesse trânsito, os polícias ligavam a sirene.

Ariana Grande: não a fotografem do lado direito e não lhe perguntem pela Mariah Carey

A atriz e cantora é rival de Mariah Carey e percebe-se que não a queira destacar nas entrevistas que dá. Mas será assim tão desagradável falar em Carey em conversas privadas? Parece que sim. Ariana tem 22 anos e a opinião pública considera-a uma das artistas mal aconselhadas e mimadas. Este ano, por exemplo, abandonou uma sessão de fotografias na Austrália, porque o fotógrafo não cumpriu duas das suas exigências: fez fotos com luz natural e alguns dos registos eram do lado direito da sua cara – uma proibição que partilha com Julio Iglesias.

De acordo com a própria, Ariana só se sente bem dentro da sua redoma de vidro por onde não deixa passar nada. Daí a proibição de uma série de temas nas suas entrevistas:

  • vida sentimental
  • falar de qualquer pessoa com quem já tenha trabalhado
  • a morte do seu avô
  • a possibilidade de fazer um dueto com Justin Bieber
  • sobre Mariah Carey, claro

Quando foi convidada para o programa de Jimmy Fallon, o apresentador cumpriu os requisitos, mas não deixou de fazer a graça: recebeu Ariana Grande no palco do Tonight Show e pediu, num jogo, que cantasse uma música de Mariah Carey. Eis o resultado:

Kim Kardashian e Kanye West: um camarim para o filho de dois anos

Primeiro toda a equipa de produção de Kanye West foi obrigada a vestir exclusivamente roupas 100% algodão. Agora, que já se tinham habituado às exigências, chegaram outras tantas. Sobretudo em relação aos filhos que tem com Kim Kardashian: North, de dois anos, tem sempre o seu próprio camarim – onde tudo é branco, como no do cantor, e deve ter um chef disponível, e atento, 24 horas, para quando tiver fome. No menu deve haver risotto de abóbora em puré, almôndegas de cordeiro e menta ou bolas de frango e maçã. O bebé também tem um estilista pessoal.

Jennifer Aniston: um Chevrolet e um motorista só para transportar as garrafas de água da atriz

Jennifer Aniston não tem problemas em dar ordens e a primeira é imperativa: ninguém se senta na sua mesa, a atriz deve comer sempre sozinha durante as rodagens dos filmes. O mesmo com o carro, que não partilha com ninguém de modo algum. Mais: devem ainda alugar um Chevrolet Suburban (sim, tem de ser esta marca e modelo) apenas para transportar as suas garrafas de água. Aniston é a cara da marca de água SmartWater e não bebe outra coisa, pelo menos em público. E exige que as suas garrafas tenham um transporte próprio para chegarem aos hotéis antes dela.

Adam Sandler: casting só com roupas justas

A atriz Rose McGowan escreveu no Twitter, este ano, que a equipa de produção de um casting para onde foi chamada, exigia que levasse “um top escuro, sem mangas, justo, curto e com um decote generoso”. Era ainda pedido que as outras atrizes levassem um soutien push-up (os que apertam e levantam o peito). Deviam ainda vestir leggins, justos e pretos. Para que não houvesse dúvidas, lia-se ainda: “Nada de roupa branca”.

McGowan escreveu que o casting era para um filme com um ator cujo nome rimava com “Madam Panhandler” e todos pensaram que se referia a Adam Sandler. A agente de Rose McGowan despediu-se e Sandler rompeu a sua relação com a Sony e agora trabalha com a Netflix.

50 Cent: falido numa mansão de 18 quartos

Passados dois anos do seu único êxito, In da club, 50 Cent (que na verdade se chama Curtis Jackson) anunciou que tinha entrado em falência. A história começou quando Lastonia Leviston, uma mulher que aparecia num vídeo erótico do rapper, o denunciou por publicar a tal gravação como vingança, depois de Lastonia se ter envolvido com um amigo seu. Por causa disto, foi obrigado a indemnizar a mulher em seis milhões de euros, e declarou-se falido. Ao mesmo tempo, o mundo ficou a saber sobre a sua vida extravagante e como desbaratou a sua fortuna.

A revista Forbes revelou que o artista tinha acumulado 275 milhões de euros entre 2003 e 2005. E soube-se que gastara o dinheiro no arrendamento de uma mansão com 18 quartos, que custava 65 mil euros. E ainda havia a equipa de limpeza. Mais: 4.500 euros ficaram nos bolsos de jardineiros.

Depois havia vários Chevrolet e Rolls Royce. O vício em ouro e diamantes terá sido outras das perdições e só em cremes hidradantes terá gasto 900 euros por mês.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt