O que têm em comum um alemão, um luxemburguês, um belga e um grego? A ambição de ser o próximo presidente da Comissão Europeia. Martin Schulz, Jean-Claude Juncker, Guy Verhofstadt e Alexis Tsipras são os quatro principais candidatos à sucessão de Durão Barroso. Clique nas imagens em baixo para conhecer à lupa o que pensam, o que já fizeram, os pontos fortes e fracos de cada um e, até, os hóbis.

Pela primeira vez na história da União Europeia, o presidente da Comissão vai ser escolhido tendo em conta o resultado das eleições europeias, ou seja, entre os nomes indicados por cada família política (partidos europeus que agregam os partidos nacionais ideologicamente semelhantes). Até agora, o presidente foi sempre escolhido em negociações de bastidores entre os governos dos vários Estados-membros.

Além destes quatro, há mais dois candidatos indicados por famílias políticas, a alemã Ska Keller e o francês José Bové. Mas não têm apoio expresso de nenhum partido português.

Perfil Martin Schulz

É presidente do Parlamento Europeu e uma das figuras mais carismáticas da Europa, defendendo o crescimento e emprego como a solução para os países do Sul. Tem o apoio do PS de António José Seguro. Sabia que Martin Schulz começou como livreiro numa pequena cidade alemã?

Perfil Jean-Claude Juncker

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Chamam-lhe o dinossauro da Europa por ser um dos políticos mais experientes a nível europeu. Em Portugal, é apoiado pela coligação Aliança Portugal (PSD/CDS-PP). Angela Merkel não esconde a simpatia que tem por Juncker que se assume como um amigo dos países em maiores dificuldades financeiras.

Perfil Guy Verhofstadt

Conhece Guy Verhofstadt? Talvez não. Em Portugal, não há nenhum partido liberal que corresponda ao grupo político que Verhofstadt lidera no Parlamento Europeu. Mas é um dos mais acérrimos defensores da Europa e o maior representante de quem defende os Estados Unidos da Europa. Em 2009, o seu nome foi apontado para substituir Durão Barroso na Comissão. Descubra por que razão isso nunca aconteceu.

Tsipras

É o mais jovem dos quatro e também o que tem menos experiência governativa. Alexis Tsipras é o actual líder da oposição na Grécia, amigo do Bloco de Esquerda e um fenómeno de popularidade junto de todos aqueles que se opõem à austeridade. Desde cedo, soube como chamar a atenção dos mais poderosos e dos media. Aos 17 anos, barricou-se na escola secundária e acabou a negociar com o ministro da Educação.