O ‘motard’ português Hélder Rodrigues (Yamaha) terminou esta sexta-feira no terceiro lugar o rali do Qatar, segunda prova da Taça do Mundo de todo-o-terreno, na qual Ricardo Porém (Mini) foi sétimo classificado na categoria de automóveis.

Hélder Rodrigues foi também o terceiro mais rápido na quinta e última etapa, na extensão de 350,94 quilómetros cronometrados, a 12.01 minutos do vencedor, o chileno Pablo Quintanilla (Husqvarna), que se impôs com o tempo de 4:00.07 horas.

Hélder Rodrigues terminou a competição a 30.46 minutos do vencedor, o britânico Sam Sunderland, que, aos comandos de uma KTM, se impôs por 9.38 a Quintanilla, segundo posicionado na classificação geral.

Nos automóveis, Porém foi o 13.º colocado na etapa conquistada pelo sul-africano Yazeed Al Rajhi, também ao volante de um Mini, concluindo o rali no sétimo posto, a 3:25.52 horas do vencedor, o catarense Nasser Saleh Al Attiyah (Toyota).