Os lucros da Apple cresceram 12% no trimestre terminado em junho, atingindo os 8,7 mil milhões de dólares, o segundo trimestre consecutivo com os lucros a acelerar, graças ao aumento nas vendas de iPad e da marca de computadores Mac. As vendas de iPhones, o principal produto da empresa, mantiveram o seu crescimento num ritmo estável.

De acordo com a empresa, as receitas cresceram 7,2% em comparação com o mesmo período do ano passado, o melhor desempenho em sete trimestres, tudo graças a um aumento surpreendente nas vendas dos iPad, que cresceram pela primeira vez depois de um ano a cair. Sinal de que este crescimento pode ter vindo para ficar é o aumento das encomendas no principal tablet no mercado que, no primeiro crescimento em três anos e meio, aumentaram 15%.

As vendas de computadores Mac também deram uma ajuda, com um crescimento de 6,7%, o terceiro trimestre consecutivo de ganhos.

Já a venda de iPhones, o principal produto da empresa, manteve um crescimento estável, em parte, segundo a empresa, devido à expectativa dos consumidores do anúncio de que um novo produto, o iPhone 8, seja lançado já em setembro.