Rádio Observador

Conservação da Natureza

Ecofestival de Idanha-a-Nova doa receitas a centros de recuperação de animais da Quercus

1.024

O ecofestival Salva a Terra, de dia 27 a 30 de junho, em pleno Parque Natural do Tejo Internacional, entregará as receitas aos Centros de Recuperação de Animais Selvagens da Quercus.

Segundo a câmara municipal de Idanha-a-Nova, o festival é já considerado "o mais ecológico dos festivais portugueses"

PAULO NOVAIS/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

O ecofestival Salva a Terra, de dia 27 a 30, em pleno Parque Natural do Tejo Internacional, doará as receitas aos Centros de Recuperação de Animais Selvagens da Quercus, foi esta segunda-feira anunciado.

As receitas da quinta edição deste festival bienal que decorre em Idanha-a-Nova, no distrito de Castelo Branco, revertem para os Centros de Estudo e Recuperação de Animais Selvagens da associação ambientalista Quercus.

O ecofestival Salva a Terra, já considerado o mais ecológico dos festivais portugueses, regressa de 27 a 30 de junho a Salvaterra do Extremo, em pleno Parque Natural do Tejo Internacional, concelho de Idanha-a-Nova”, refere, em comunicado, a Câmara de Idanha-a-Nova.

Durante quatro dias, são vários os artistas e espetáculos que vão passar pelos quatro palcos do festival (Terra, Pelourinho, Lusco-Fusco e Igreja).

Decorrem ainda outras iniciativas, como oficinas, cinema, teatro, passeios pedestres, educação ambiental, conferências, bailes, animação de rua, entre outras atividades.

“O cartaz musical do Salva a Terra 2019 traz uma imperdível partilha de culturas e sonoridades. Presença de destaque para o Brasil (Tyaro) e a Geórgia (Gacha Bakradze), mais precisamente Tbilisi, cidade parceira de Idanha-a-Nova no Club de Estrasburgo”, lê-se no documento.

Para o dia 27, estão confirmados concertos de Tiago Pereira & Sílvio Rosado e dos Milo ke Mandarini.

Kabeção, Palankalama, Trio Madrigali, Bairro do Samba, Espírito Nativo, Tyaro e Gacha + Kabeção (Special Guest) vão marcar presença no festival no dia 28 e, no dia seguinte, o Salva a Terra apresenta concertos de Vasco Ramalho, Mano a Mano, Cardo Roxo, Ana Pinhal, Olokum + Projeto Sementinha, Terra Livre e DJ Tupimambo.

O evento é organizado pela associação ambientalista Quercus, União de Freguesias de Monfortinho e Salvaterra do Extremo e pelo município de Idanha-a-Nova.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Ambiente

Frango à Covan /premium

Paulo Tunhas

Para uma vasta parte da humanidade ocidental, nada há de mais apetecível do que um certo sentimento de culpa própria. Por estranho que pareça, esse sentimento comporta um notório benefício narcísico. 

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)