O chef João Rodrigues e o seu restaurante, o Feitoria, voltaram a ser os grandes vencedores dos Prémios Mesa Marcada: Os 10 Restaurantes e 10 Chefes Preferidos 2019, cerimónia que decorreu na passada segunda-feira e que reuniu os nomes mais importantes da gastronomia portuguesa.

Rodrigues arrecadou a primeira posição na lista “TOP 10 – CHEFES 2019”, o seu restaurante estrelado ficou no lugar cimeiro do “TOP 10 – RESTAURANTES 2019”  e André Figuinha, o sommelier e chefe de sala, conquistou o  Prémio Especial S. Pellegrino/Acqua Panna para o Escanção do Ano. O restaurante Fifty Seconds by Martín Berasategui também conquistou três prémios: o Prémio Especial Estrella Damm para o Destaque do Ano, o Prémio Especial Makro que destacou Filipe Carvalho como o Chef Revelação do Ano e também o Prémio Especial Serviço de Sala do Ano.

A Gare Marítima de Alcântara, em Lisboa, foi o palco escolhido para receber esta entrega de prémios que voltou a ver aumentar o seu número de votantes — já vão em 225, sempre pessoas ligadas ao meio, sejam enólogos, cozinheiros, gastrónomos ou bloggers.

O chef João Rodrigues, do Feitoria/Altis Belém, venceu pela terceira vez consecutiva o primeiro lugar na lista de chefs. D.R.

Esta é a terceira vez que João Rodrigues fica com o primeiro lugar na lista de chefs do ano. Na listagem apresentada surge logo a seguir a José Avillez e Hans Neuner, os respetivos segundo e terceiro classificados. No campeonato dos Restaurantes Preferidos, a tendência inverteu-se, com o Ocean a ficar em segundo e o Belcanto em terceiro.

O Prémio Especial César Castro “Mesa Diária”, atribuído ao “restaurante favorito de preço moderado que frequentam regularmente ou que recomendariam a um amigo”, também é um dos mais aguardados. Desta vez foi entregue a alentejano O Frade, que ficou à frente de outros nomeados como a Taberna do Calhau, o Noélia e Jerónimo, o Bel’Empada e a Taberna Sal Grosso (vencedor do ano passado).

O restaurante Essencial, do chef André Lança Cordeiro, também levou para casa uma distinção, o Prémio Especial Graham’s dado ao Restaurante Novo do Ano. Apesar de ter aberto durante o ano de 2019, esta casa subiu meteoricamente na listagem dos Restaurantes Preferidos, alcançando o 14º lugar.

Mas os motivos de festa não se ficaram por aqui: o pasteleiro do Ritz Four Seasons de Lisboa, Diogo Lopes, venceu o Prémio Especial Delta para o Chef de Pastelaria do Ano; o Prémio Maria José Macedo para o Produtor / Fornecedor do Ano foi entregue (por votação exclusiva de chefs) à Bísaro – Salsicharia Tradicional, de Gimonde, Bragança; e finalmente Joachim Koerper, chef do icónico Eleven, em Lisboa, venceu o Prémio Especial Cutipol Carreira.

Os prémios Mesa Marcada realizam-se desde 2009. Promovidos pelo blog com o mesmo nome, têm no ex-publicitário Miguel Pires e no ex-jornalista Duarte Calvão os principais cabecilhas.

Veja aqui a listagem completa dos vencedores:

TOP 10 – RESTAURANTES 2019

1º – Feitoria (Lisboa)
2º – Ocean (Porches)
3º – Belcanto (Lisboa)
4º – Prado (Lisboa)
5º – Fifty Seconds (Lisboa)
6º – Epur (Lisboa)
7º – Euskalduna (Porto)
8º – Alma (Lisboa)
9º – Loco (Lisboa)
10 º – The Yeatman (Vila Nova de Gaia)

TOP 10 – CHEFS 2019

1º – João Rodrigues (Feitoria / Altis Belém)
2º – José Avillez (Belcanto)
3º – Hans Neuner (Ocean)
4º – António Galapito (Prado)
5º – Vincent Farges (Epur)
6º –  Vasco Coelho Santos (Euskalduna)
7º – Alexandre Silva (Loco)
8º – Henrique Sá Pessoa (Alma)
9º – Dieter Koschina (Vila Joya)
10 º – Filipe Carvalho (Fifty Seconds)

Prémios Especiais de 2019

“Mesa Diária” – O Frade
Destaque do Ano – Fifty Seconds by Martín Berasategui
Restaurante Novo do Ano – Essencial
Chef Revelação do Ano – Filipe Carvalho
Chefe de Pastelaria do Ano – Diogo Lopes
Produtor/Fornecedor do Ano – Bísaro – Salsicharia Tradicional
Carreira – Joachim Koerper
Escanção do Ano – André Figuinha
Serviço de Sala do Ano – Fifty Seconds by Martín Berasategui