Mais de 250 especialistas mundiais em alterações climáticas reúnem-se a partir desta segunda-feira na Universidade do Algarve, em Faro, para durante uma semana prepararem o relatório sobre os impactos das mudanças climáticas nos ecossistemas e nas atividades humanas.

Organizado pelo Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), organismo da ONU, a reunião conta com especialistas oriundos de 60 países, que vão analisar as capacidades e limites dos ecossistemas para se adaptarem às mudanças climáticas, assim como as opções para reduzir os riscos associados ao clima.

Desde a sua fundação, o IPCC já produziu cinco grandes relatórios e outros documentos relevantes para a sociedade e para os decisores políticos de todo o mundo e, em Faro, vai ser redigido o sexto relatório de avaliação. O rascunho deste documento irá circular para revisão dos governos e peritos em agosto deste ano.

Este é um dos três grupos de trabalho do IPCC, criado pela Organização Meteorológica Mundial e pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, tendo a seu cargo a análise dos impactos, adaptação e vulnerabilidade às mudanças climáticas.