O presidente da Câmara da Covilhã, Vítor Pereira, anunciou esta segunda-feira a candidatura à Federação Distrital do PS de Castelo Branco e prometeu uma “liderança forte e agregadora”.

Em comunicado enviado à agência Lusa, Vítor Pereira, que foi recentemente reeleito presidente da Concelhia do PS da Covilhã, sublinha que a liderança distrital do partido deve também ser capaz de “mobilizar todo os militantes na procura de respostas” para os problemas que afetam o distrito e que são os problemas de todos os territórios do interior.

Com o lema “Novo Tempo”, o candidato rejeita uma atitude de resignação face à perda contínua de população, defende que é necessário “construir estratégias de desenvolvimento integrado para todo o território”, sublinhando, por isso, que é “imperioso mobilizar todas as sinergias possíveis”.

“Somos e seremos sempre poucos para fazer face aos desafios que temos pela frente, pelo que ninguém está dispensado neste, que julgamos ser o maior desafio das nossas vidas, combate contra o despovoamento e pela sustentabilidade de todo o nosso território”, é referido na nota em que se apresenta como candidato.

A “necessidade de unir”, as “dificuldades” que considera existirem a nível interno e “os sinais de vários estruturas e militantes do PS” são outras das razões apontadas para a candidatura.

“Sendo o PS o partido fundador da democracia portuguesa, um partido de causas e valores, e a principal força política do distrito de Castelo Branco, da qual sou há muitos anos militante, não poderia, pelas responsabilidades que desempenhei e desempenho, ficar indiferente às dificuldades que vivemos neste momento peculiar da vida interna do partido, pelo que, interpretando aquilo que são os sinais de várias estruturas e militantes do PS e respondendo ao seu desafio, anuncio a minha candidatura a Presidente da Federação Distrital do Partido Socialista”, refere Vítor Pereira.

As eleições para a Federação Distrital de Castelo Branco estão marcadas para dia 13 de março.