Logo Observador
Elétricos

Elextra. 600 km de autonomia, mas com uma condição

102

Primeiro modelo eléctrico da pequena companhia de design suíça Classic Factory, o Elextra reclama 600 km de autonomia. Contudo, a própria marca assume que tal só é possível com uma condição.

Autor
  • Francisco António
Mais sobre

Com apresentação, em princípio, ainda para o presente ano, o Elextra, modelo com que a suíça Classic Factory pretende estrear-se no mercado automóvel, acaba de dar mais um passo em frente. A marca anunciou que o modelo 100% eléctrico será capaz de cumprir 600 km com uma única carga de bateria. Com um senão: isso só é possível desde que se mantenha uma velocidade estável de 100 km/h.

Embora com uma estética exterior que parece aproximá-lo mais, por exemplo, do Lamborghini Aventador, o Elextra não esconde o propósito de se assumir como um rival sim, mas dos modelos Tesla. Cujo Model S 100D anuncia, com uma única carga e de acordo com o New European Driving Cycle (NEDC), 632 km de autonomia, ao passo que a versão mais desportiva deste mesmo modelo, fala em 613 km. Já a menos optimista Agência de Protecção Ambiental dos EUA atribui-lhes, respectivamente, autonomias de 539 e 507 km.

No entanto, seja qual for a autonomia real do Elextra, a verdade é que, pelo menos para já, torna-se impossível compará-la com as dos Tesla. Já que, no caso dos eléctricos norte-americanos, o valor foi obtido segundo os parâmetros do NEDC e, como tal, ao longo de um processo em que cumpriram várias velocidades, ao passo que a autonomia anunciada pela Classic Factory é obtida em velocidade estabilizada.

Ainda sobre o Elextra, importa recordar que a redução do peso foi uma das preocupações dos seus criadores, razão pela qual optaram por construir tanto a monocoque, como o corpo do automóvel, em fibra de carbono.

Quanto à propulsão, é assegurada por dois motores eléctricos, distribuídos pelos eixos, o que não só garante uma espécie de tracção integral permanente, como uma potência na ordem dos 689 cv. Valor que, ainda segundo a Classic Factory, permite a este quatro portas eléctrico acelerar dos 0 ao 100 km/h em não mais que 2,3 segundos, para atingir uma velocidade máxima (anunciada) a rondar os 250 km/h.

O Elextra deverá ser produzido, de forma artesanal, na Alemanha, sendo que o fabricante assumiu já não pretender construir, nesta fase inicial, muitas unidades do modelo. No máximo, 100.

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Catolicismo

Maria Madalena: a apóstola dos apóstolos

P. Gonçalo Portocarrero de Almada

Todas as mulheres cristãs, sem necessidade do sacramento da Ordem, podem e devem ser, sejam leigas ou consagradas, solteiras ou casadas, apóstolas de apóstolos, como Maria Madalena.