O Conselho Nacional da Federação Nacional de Professores (Fenprof), reunido neste sábado em Lisboa, decidiu realizar várias ações de protesto, a primeira no dia 22, em defesa dos docentes contratados das escolas especializadas públicas de ensino artístico.

Em comunicado, hoje divulgado, a Fenprof afirma que orá realizar no dia 22 de janeiro, uma concentração junto do Ministério da Educação e Ciência, em Lisboa, “de docentes contratados das escolas especializadas de ensino artístico, públicas, designadamente pela contagem do tempo de serviço e respetiva remuneração a 01 de setembro de 2014”.

Ainda este mês, no dia 29, a Fenprof vai “promover uma tribuna pública sobre a aposentação”, em Lisboa, junto ao Ministério da Solidariedade, Emprego e Segurança Social. Neste mesmo dia, a Fenprof vai “acompanhar nas bancadas da Assembleia da República o debate sobre a petição ‘Não permitiremos a destruição da Caixa Geral de Aposentações!’”.