A Google anunciou esta sexta-feira uma modificação na forma como apresenta alguns resultados de pesquisa em dispositivos móveis, mais concretamente, conteúdos relacionados com música, filmes e séries televisivas. Estas alterações estão, para já, apenas disponíveis para smartphones e tablets com o sistema operativo Android.

Na prática, o resultado da pesquisa apresenta agora um bloco que concentra a informação de um determinado artista, como por exemplo a nota biográfica, lista de temas mais populares, álbuns já publicados e próximos espetáculos agendados. Se pesquisar por um filme, o Google devolve-lhe uma “visão geral”, o elenco e os cinemas onde o filme se encontra em exibição, de acordo com a localização do utilizador — para isso, precisa de ter ativada a geolocalização no dispositivo móvel.

As sugestões e ligações apresentadas apontam, sobretudo, para as plataformas do universo Google, como o YouTube ou o Google Play, mas também para a Wikipédia ou IMDB (no caso dos filmes). Contudo, esta nova função ainda não está disponível para todos os grandes artistas, nem tão pouco é conhecido o critério.

Isto porque a norte-americana Taylor Swift tem direito a esta nova caixa especial mas não a britânica Adele, sublinha a re/code, apesar de ambas se terem recusado a disponibilizar os respetivos álbuns nas plataformas de streaming – onde se inclui o Google Play Music.

torikelly