O realizador britânico Guy Hamilton morreu aos 93 anos. O cineasta ficou conhecido por ter dirigido quatro dos mais icónicos filmes da saga James Bond: “007 – Contra Goldfinger” (1964), “007 – Vive e Deixa Morrer” (1973), “007 – O Homem da Pistola Dourada” (1974) e “007 – Os Diamantes São Eternos” (1971).

Nas filmagens dos filmes do agente 007 trabalhou com Sean Connery e Roger Moore. Foi Roger Moore quem anunciou a morte do realizador, através de uma publicação no Twitter em que se diz “incrivelmente triste” com a morte de Guy Hamilton.

O cineasta foi também responsável for filmes como “O Meu Funeral em Berlim”, protagonizado por Michael Caine, e “Os Canhões de Navarone”, onde dirigiu Harrison Ford. Mais recentemente, realizou duas adaptações de romances de Agatha Christie – “Espelho Quebrado” e “Morte ao Sol”.

Começou a carreira como assistente de realização. Trabalhou com Carol Reed em três filmes, um dos quais é “The Third Man”, onde fez de duplo de Orson Welles em algumas cenas.

[trailer de “Goldfinger”]