Não é segredo que Rihanna é um dos maiores ícones de moda da sua geração. Longe vão os tempos em que a jovem artista de Barbados misturava calças largas, barriga de fora e ténis Converse com looks sensuais inspirados em referências do hip hop e R&B. Trocou-os por conjuntos arriscados — ora provocantes, ora controversos — que hoje criam tendências sempre que saem à rua. Em 2011, colaborou com a Armani Jeans e Emporio Armani Underwear ao desenhar uma coleção de t-shirts, roupa interior e peças em ganga. Um bom prenúncio daquilo que aí vinha.

Em 2013 seguiu-se uma linha de roupa para a River Island, em conjunto com o criador Adam Selman. Assim nasceram peças grunge, inspiradas num estilo urbano, com um toque sensual em tons de preto. Um ano depois, a extravagância das escolhas decotadas e ousadas transformou Rihanna num ícone de estilo, o que a levou a ser convidada para o cargo de diretora criativa da marca Puma. Ao currículo a cantora juntou campanhas para a Balmain, Dior e um guarda-fatos carregado de coordenados Chanel, graças à sua grande amizade com o criador Karl Lagerfeld.

Em 2016, quando achávamos que Rihanna já tinha conquistado o título de it girl, a cantora norte-americana apresenta duas coleções Fenty x Puma em fevereiro e outubro na Semana de Moda de Nova Iorque e Paris, respetivamente. Criou os primeiros ténis originais para a marca, os The Trainer by Fenty, mas foi o modelo Creeper que esgotou em menos de 35 minutos e foi eleito “o sapato do ano” pela Footwear News. “Este ano, os Creeper de Rihanna encheram os feeds do Instagram, deitaram sites abaixo e apareceram no eBay assim que esgotaram nas lojas”, escreveu a revista. E, porque não há sapatos sem meias, a cantora norte-americana ainda desenhou a sua terceira coleção de 19 peúgas para a Stance. Escusado será dizer que são um sucesso de vendas.

View this post on Instagram

RiRi X @bijoukarman for @stancemuse #PunkAndPoet

A post shared by badgalriri (@badgalriri) on

A moda apaixonou-se por Rihanna e o sentimento é mútuo. Em breve, a artista promete conquistar o mundo da beleza com a linha de maquilhagem Fenty Beauty. De uma coleção de óculos para a Dior a seis perfumes de autoria própria, a cantora já revelou que vai dar continuidade à parceria bem-sucedida com Manolo Blahnik. Para a segunda coleção, chamada Savage, Rihanna e o reconhecido designer de sapatos lançaram modelos inspirados nas botas da Timberland que tanto sucesso fizeram nos anos 2000 nos pés de Jennifer Lopez e Beyoncé. A coleção de edição limitada, com três modelos batizados de Dominique, Fallon e Alexis, é mais uma prova de que Rihanna veste a indústria da cabeça aos pés.

No dia em que a nova coleção com Manolo Blahnik chega às lojas, dê uma vista de olhos pela fotogaleria das extensivas colaborações que a cantora dos Barbados tem feito desde 2011.