Um carro bomba explodiu nas imediações de um gabinete governamental em Adana, na Turquia, e matou duas pessoas, conta a BBC. O atentado, numa cidade no sul do país, deixou feridas ainda 16 pessoas e foi confirmado pelo governador da cidade, Mahmut Demirtas.

Segundo Demirtas, o carro e o suspeito (uma mulher) já estarão identificados. A explosão destruiu ainda uma parte da fachada do edifício de seis pisos. O atentado ainda não foi reivindicado.

“Este terror amaldiçoado continua a atingir o nosso povo”, escreveu no Twitter Omer Celik, ministro dos Negócios Estrangeiros do país. “Lutaremos contra o terror até ao fim em nome da humanidade.”

Segundo a BBC, Adana fica apenas a 16 quilómetros de uma base aérea usada pelos Estados Unidos, que recorre à mesma para ataques contra o Estado Islâmico.