480kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Adere à Fibra do MEO com a máxima velocidade desde 29.99/mês aqui.

"My own way": ouça a canção inédita que Amy Winehouse gravou aos 17 anos

Este artigo tem mais de 4 anos

"Nunca estive apaixonada antes" é o primeiro verso do tema que Amy Winehouse cantou aos 17 anos e que foi agora encontrado. Entrou no estúdio com umas calças de ganga com a frase "Sinatra é Deus".

Amy Winehouse foi encontrada morta na sua casa no norte de Londres, em 2011
i

Amy Winehouse foi encontrada morta na sua casa no norte de Londres, em 2011

Gareth Cattermole/Getty Images

Amy Winehouse foi encontrada morta na sua casa no norte de Londres, em 2011

Gareth Cattermole/Getty Images

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Uma gravação inédita de Amy Winehouse a cantar quando tinha apenas 17 anos foi agora divulgada pelo produtor Gil Cang, que a encontrou na semana passada, sete anos após a morte da cantora, noticia o jornal The Guardian.

canção — intitulada “My Own Way” — foi composta por Cang e também pelo compositor James McMillanpor. Gravada por Amy Winehouse no estúdio do produtor em Hornsey Road, em Londres, em 2001, fazia parte de um conjunto de canções que Winehouse estava a gravar para divulgar o seu trabalho às produtoras e convencê-las a assinar um contrato com ela.

Esta é uma gravação inédita já que todas as canções que ficaram por acabar foram destruídas, após a morte da cantora em 2011, para tentar evitar a criação de álbuns. A canção foi carregada no YouTube no passado domingo e conta com mais de 27 mil visualizações.

Gil Cang recordou ao Camden New Journal que, no dia da gravação, a cantora entrou no estúdio com umas calças de ganga com a frase “Sinatra Is God” (“Sinatra é Deus” em português), escrita ao longo da nádega.

Amy veio ver-nos, abriu a boca e deixou-nos todos completamente impressionados. Fomos atingidos imediatamente pelo seu talento. Ficámos de queixo caído”, recorda o produtor Gil Cang.

Dois anos depois desta gravação, Amy Winehouse viria a lançar o seu primeiro disco, intitulado “Frank”, que despertou a atenção de indústria da música e originou comparações com alguns dos grandes nomes do jazz, como Nina Simone e Sarah Vaughn. A cantora foi encontrada morta na sua casa, no norte de Londres, vítima de abuso de consumo de álcool, drogas e, também, bulimia.

Amy Winehouse. Se fosse viva, cantora faria hoje 34 anos

A página está a demorar muito tempo.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Este artigo só pode ser lido por um utilizador registado com o mesmo endereço de email que recebeu esta oferta.
Para conseguir ler o artigo inicie sessão com o endereço de email correto.