Universidade de Lisboa

Reitor da Universidade de Lisboa recusa-se a falar sobre precariedade

O reitor da Universidade de Lisboa, António Cruz Serra, optou por não dizer o que pensa sobre a "precariedade no ensino superior", desculpando-se com a presença do Presidente da República.

ANTONIO COTRIM/LUSA

O reitor da Universidade de Lisboa, António Cruz Serra, optou esta quarta-feira por não dizer o que pensa sobre a “precariedade no ensino superior”, desculpando-se com a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

“Não posso dizer o que penso sobre a precariedade no ensino superior”, disse Cruz Serra, desculpando-se com o Presidente da República, que participava igualmente na sessão solene de enceramento do Dia da Universidade de Lisboa, que decorreu na reitoria.

A afirmação do reitor foi apupada por cerca de duas dezenas de bolseiros de investigação científica que, a um canto da sala e de pé, protestaram contra a sua precariedade laboral envergando t-shirts pretas. Cruz da Serra limitou-se numa curta intervenção a fazer agradecimentos.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Exames Nacionais

Mensagem sem Pessoa 

Beatriz Gomes Artilheiro
391

Sim, o exame teve Pessoa, mais Saramago e Ricardo Reis. Mas não inclui Eça de Queiroz. Crónica de uma aluna enquanto estudava para o exame de hoje de Português do 12º ano. "Valete, fratres". 

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)