O golfista Pedro Figueiredo ocupa esta quinta-feira a 13.ª posição do Open de Omã, prova do circuito europeu, apesar de ainda lhe faltar um buraco para completar a primeira volta, que se completa na sexta-feira.

Pedro Figueiredo efetuou 65 pancadas, em 17 buracos, três abaixo do par do campo, devendo cumprir o último buraco da ronda na manhã de sexta-feira, depois de esta quinta-feira a organização ter decidido suspender o que faltava jogar. O jogador português fez uma volta com quatro “birdies” (uma pancada abaixo do par do buraco) e um “bogey” (uma acima).

Os outros dois portugueses presentes em Mascate ficaram longe dos lugares cimeiros, com José-Filipe Lima a concluir os 18 buracos com 77 pancadas (cinco acima do par), no 134.º posto, e Ricardo Santos com 78 (mais seis), no 142.º.

A prova é liderada pelo italiano Guido Migliozzi, que cumpriu os 18 buracos em 66 pancadas (seis abaixo do par), uma menos do que um trio de perseguidores.