A economia brasileira desacelerou nos primeiros três meses de 2014 e cresceu 0,2% em relação ao trimestre imediatamente anterior, segundo dados divulgados nesta sexta-feira pelo Instituo Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O Produto Interno Bruto (PIB) do país, que considera a soma de todos os bens e serviços produzidos no período, totalizou 1,2 biliões de reais (393 mil milhões de euros).

A desaceleração do crescimento foi justificada pela queda do consumo das famílias, de 1%, e da indústria, de 0,8%, no período. Em comparação com o primeiro trimestre de 2013, o PIB brasileiro cresceu 1,9% nos primeiros três meses do ano, resultado inferior aos 2,2% de aumento registados no quarto trimestre do ano passado, com a mesma base de comparação.