Se ainda não escolheu o que fazer hoje, porque não ir a um museu? A partir de dia 1 de junho as entradas nos museus terão novas regras e novos preços. Continua a existir um período gratuito, que passará a ser o primeiro domingo do mês, ou seja: hoje.

Além disso, nos restantes dias os preços vão subir em 11 dos 24 museus, monumentos e palácios do país sob a tutela da Direção-Geral do Património Cultural (DGPC). Os aumentos poderão ir de 50 cêntimos, como no Museu do Chiado, até três euros, como no Mosteiro dos Jerónimos, embora na maioria o aumento seja de um euro. O Instituto de Gestão do Património Arquitetónico e Arqueológico (IGESPAR) já tem os preços atualizados na página.

Mantém-se a possibilidade de descontos para estudantes e séniores e agora é alargado o desconto a famílias numerosos. De graça entram as crianças até aos 12 anos, os alunos em visita de estudo e agora também membros de associações culturais e pessoas com mobilidade reduzida.

Os monumentos do IGESPAR

Casa-Museu Dr. Anastácio Gonçalves

Convento de Cristo

Mosteiro da Batalha

Mosteiro de Alcobaça

Mosteiro dos Jerónimos

Museu da Música

Museu de Arte Popular

Museu do Chiado

Museu Grão Vasco

Museu Monográfico de Conímbriga

Museu Nacional de Arqueologia

Museu Nacional de Arte Antiga

Museu Nacional de Etnologia

Museu Nacional do Azulejo

Museu Nacional do Teatro

Museu Nacional do Traje

Museu Nacional dos Coches

Museu Nacional Machado de Castro

Museu Nacional Soares dos Reis

Núcleo de Vila Viçosa do Museu dos Coches

Palácio Nacional da Ajuda

Palácio Nacional de Mafra

Panteão Nacional

Torre de Belém