O ex-ministro socialista Augusto Santos Silva afirmou à agência Lusa que o Departamento de Agenda da TVI comunicou-lhe esta terça-feira, pelas 16:45 horas, que o seu programa “Os porquês da política” foi cancelado, ato que classificou como “censura”.

Ministro dos governos de António Guterres e de José Sócrates, Augusto Santos Silva transmitiu esta posição após ter participado no ISCTE (Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Educação), em Lisboa, numa homenagem ao antigo ministro José Mariano Gago.

“Às 16:45 horas, o Departamento de Agenda da TVI comunicou-me que o meu programa na TVI24, que deveria ser transmitido hoje a partir das 22:00 horas, fora cancelado, sendo emitido em alternativa um programa especial de análise à entrevista que o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, concede à SIC. Considero estar perante um ato de censura por parte da direção de informação da TVI”, declarou Augusto Santos Silva.