Moderat

III

A música eletrónica germânica não só está de boa saúde como continua a ser propulsora de algumas franjas do movimento EDM (Eletronic Dance Music). Os Moderat são especiais desde que apareceram, também porque carregam às costas a soma das partes: a dupla Modeselektor com Sascha Ring, mais conhecido por Apparat.

III é o terceiro álbum, sucede a II (o segundo, de 2013) e este a Moderat (o primeiro, de 2009). O minimalismo está em todo o lado, nos títulos, no desenho das capas e sobretudo, na música, que segue a norma desde o primeiro tomo. Música saturada (mas bem produzida), intensa, quase rude, uma dança negra de onde é difícil fugir.

Retimbrar

Voa Pé

Não é difícil imaginar que o primeiro ritmo consciente produzido pelo homem tenha sido uma palma, um pé a bater no chão ou um pau numa pedra. A batida terá sido, provavelmente, a primeira criação musical, que seguiu um outro compasso primário, o primeiro batuque que todos ouvimos, o do coração.

Os Retimbrar cantam bombos, chocalham tréculas, rufam guitarras, dedilham vozes. É “um arraial”, como dizem deles próprios, um consórcio formado em 2008 por Andres ‘Pancho’ Tarabbia, percussionista uruguaio radicado em Portugal. A ele juntaram-se mais 13 elementos numa homenagem poderosa à cultura popular, que extravasa a memória lusitana. Neles estão todos os sons do mundo.

Voa Pé, o disco de estreia, é uma edição de autor que conta com o apoio da Casa da Música, da Cultura Fnac e da Revolução d’Alegria Associação.

Explosions In The Sky

The Wilderness

Chamam-lhe pós-rock, um derivado que usa os instrumentos do rock para criar um som diferente. Este sucedâneo do género mãe é geralmente denso, escuro e instrumental. Os texanos Explosions In The Sky, formados no final da década de 1990, enquadram-se desde o início nesse ambiente sonoro e, neste último álbum de estúdio, seguem a linha que lhes deu a fama e o proveito de serem uma das bandas mais interessantes desta franja do rock. Fazem (outra vez) jus ao nome, The Wilderness é um quadro onde o céu está sempre a explodir. Um disco bom para dias escuros.