Os juros da dívida portuguesa estavam esta quinta-feira a cair em todos os prazos, batendo mínimos a dois anos, em relação a quarta-feira.

Cerca das 10:15 em Lisboa, os juros da dívida portuguesa a dez anos estavam a cair para 3,336%, contra 3,389% na quarta-feira, e face aos 3,564% em 07 de outubro, um máximo dos últimos seis meses, e aos 2,679% em 15 de agosto, um mínimo dos últimos seis meses.

Com a mesma tendência, a cinco anos, os juros estavam a recuar para 1,819%, contra 1,889% na quarta-feira e depois de terem descido até aos 1,543% em 15 de agosto, um mínimo dos últimos seis meses. O máximo dos últimos seis meses, de 2,289%, foi registado em 12 de abril.

No prazo de dois anos os juros batiam hoje mínimos a cair para 0,259%, contra 0,279% na quarta-feira, depois de terem subido até 0,892% em 12 de abril.

Os juros da Irlanda e de Itália estavam a descer em todos os prazos, enquanto os de Espanha desciam nos prazos mais curtos, mas sobem a dez anos.

Os juros da Grécia a dez anos, os únicos disponíveis, estavam a subir.

Juros da dívida soberana em Portugal, Grécia, Irlanda, Itália e Espanha cerca das 10:15:

2 anos… 5 anos… 10 anos

Portugal

13/10……0,259…..1,819….3,336

12/10……0,279…..1,889….3,389

Grécia

13/10……n disp….n disp…8,271

12/10……n disp….n disp…8,232

Irlanda

13/10…..-0,477….n disp….0,501

12/10…..-0,469….n disp….0,526

Itália

13/10…..-0,095….0,350…..1,380

12/10…..-0,092….0,363…..1,417

Espanha

13/10…..-0,224…..0,119….1,108

12/10…..-0,222…..0,131….1,061

Fonte: Bloomberg Valores de ‘bid’ (juros exigidos pelos investidores para comprarem dívida) que compara com fecho da última sessão.