O corpo de um homem de 88 anos, residente em Quarteira, no Algarve, desaparecido há vários dias na zona de Mértola, Beja, foi encontrado neste domingo, por populares, disse fonte da GNR à agência Lusa. De acordo com o major Carlos Bengala, do Comando Territorial de Beja da GNR, o cadáver foi encontrado por populares, nas águas da Ribeira do Vascão, em Mértola, acrescentando ainda que “não apresenta sinais de violência”.

A mesma fonte acrescentou ainda que o corpo, entretanto transportado para o Gabinete de Medicina Legal de Beja, foi encontrado numa zona “perto” do veículo que o homem conduzia, no dia em que foi comunicado o seu desaparecimento.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja disse à agência Lusa que o alerta foi dado pelas 12:30, envolvendo as operações de resgate dez operacionais da corporação de bombeiros de Mértola, auxiliados por três viaturas e duas patrulhas da GNR.

O desaparecimento do homem foi comunicado pela família à GNR de Quarteira, distrito de Faro, no dia 24 de outubro, depois de, no dia anterior, cerca das 03:30, o homem se ter ausentado de casa para participar num convívio de caça, na zona de Mértola.

Na sequência das diligências efetuadas após o desaparecimento, a GNR localizou o telemóvel do homem no Baixo Alentejo e, a 27 de outubro, um popular detetou a carrinha, “atolada em lama e trancada”, a cerca de três quilómetros de São Pedro de Solis, no concelho de Mértola.