Modelo que promete inaugurar uma nova família de propostas de alta performance no seio da marca sul-coreana, o Hyundai i30 N continua o seu processo de desenvolvimento, com vista a um já anunciado lançamento no mercado, na segunda metade de 2017. Enquanto esse momento não chega, aquela que será a versão mais desportiva da berlina de Seul encontra-se na Suécia, com o objectivo de ser levada ao limite sob o frio intenso do Inverno nórdico.

Encarregue da condução durante estes testes de Inverno, realizados em Arjeplog, Suécia, esteve o piloto de ralis e primeira figura da equipa Hyundai Motorsport no Campeonato Mundial de Rali, o belga Thierry Neuville. O qual teve de submeter o i30 N a ambientes e condições extremas, como foi o caso da condução num lago gelado, onde o piloto pôde sentir o carro, passando em seguida essas sensações aos engenheiros da marca, para assim ajudar ao desenvolvimento do modelo. Sensações, e momento, que a marca registou em vídeo, e que agora disponibiliza:

[jwplatform AcE2FrgE]

Os engenheiros da Hyundai fizeram um excelente trabalho na transmissão e no diferencial”, comentou Thierry Neuville. “Senti boa tracção e estabilidade mesmo em condições escorregadias. É um automóvel muito fácil de manobrar. Qualquer condutor poderá́ ter uma sensação de condução similar à de um automóvel de competição”, acrescentou.

Durante os testes na Suécia, a Hyundai tem procurado desenvolver e afinar os sistemas de dinâmica do automóvel, como o controlo electrónico de estabilidade, o diferencial limitador de deslizamento, a direcção, amortecedores, suspensão e pneus.

“O nosso principal objetivo é garantir prazer na condução”, explicou já o director de Testes a Veículos de Alta Performance e de Desenvolvimento no Centro Técnico da Hyundai Motor Europe, Alexander Eichler. “Simbolizando uma chicane, o logótipo ‘N’ incorpora este aspecto – um veículo ágil e divertido de conduzir”, acrescenta.