Desporto

Piloto Max Biaggi deixa serviço de reanimação do hospital de Roma

O piloto italiano Max Biaggi saiu do serviço de reanimação do hospital de Roma, onde deu entrada há duas semanas após um acidente num treino de superbikes, no qual fraturou várias costelas.

Biaggi venceu 13 grandes prémios em 500cc, terminando por duas vezes em segundo lugar no Mundial

VINCENT JANNINK/EPA

O piloto italiano Max Biaggi saiu esta segunda-feira do serviço de reanimação do hospital de Roma, onde deu entrada há duas semanas após um acidente num treino de superbikes, no qual fraturou várias costelas. “Desta vez, quase perdi. O mais belo presente é deixar a sala de reanimação após 17 dias”, escreveu, nas redes sociais, o transalpino, que na segunda-feira completa o 46.º aniversário, num texto celebrado com as hashtags #ritornoallavita (regresso à vida), #paura (medo) e #maxisback (Max está de volta).

O seis vezes campeão do Mundo de velocidade foi submetido a duas cirurgias depois de sofrer um trauma torácico e ter partido várias costelas, num despiste a 9 de junho, no circuito Cason de Latina, uns 50 quilómetros a sul de Roma. Na altura, esteve sempre consciente e foi transportado ao hospital de helicóptero.

Apesar de nunca ter vencido nenhum Mundial da categoria ‘rainha’, na altura 500cc (MotoGP), ficou famosa a rivalidade com o seu compatriota Valentino Rossi, ainda a competir no escalão máximo. Mesmo assim, Biaggi venceu 13 grandes prémios em 500cc, terminando por duas vezes em segundo lugar no Mundial. Em 2006, ‘transferiu-se’ para as superbikes, categoria em que se sagrou campeão mundial em 2010 e 2012.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Eleições Europeias

Querida Europa...

Inês Pina

Sabemos que nos pedes para votarmos de cinco em cinco anos, nem é muito, mas olha é uma maçada! É sempre no dia em que o primo casa, a viagem está marcada, em que há almoço de família…

Educação

Aprendizagem combinada: o futuro do ensino

Patrick Götz

Só integrando a tecnologia na escola se pode dar resposta às necessidades do futuro, no qual os futuros trabalhadores, mesmo que não trabalhando na indústria tecnológica, terão de possuir conhecimento

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)