Rádio Observador

Media

Marques Mendes diz que Paulo Baldaia se demitiu do Diário de Notícias

135

Marques Mendes anunciou que o diretor do Diário de Notícias, Paulo Baldaia, apresentou a demissão e que a a Global Media sondou Miguel Sousa Tavares para o cargo. Baldaia não confirma. Grupo nega.

JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Autor
  • Rita Ferreira
Mais sobre

Marques Mendes anunciou que o diretor do Diário de Notícias, Paulo Baldaia, “pediu para sair” da direção do Diário de Notícias e que a administração da Global Media sondou Miguel Sousa Tavares para o cargo, que terá recusado. Contactado pelo Observador, Baldaia diz que não pode confirmar esta notícia. “Amanhã sou o diretor e depois de amanhã também”. E para a semana? “Também”. Então não se demitiu? “Não confirmo, nem desminto”, concluiu, remetendo para um comunicado do Conselho de Administração.

Nesse comunicado, inicialmente publicado no site do DN, pode ler-se: “A Global Media Group vem por este meio refutar as declarações proferidas hoje pelo Dr. Marques Mendes no seu habitual comentário de domingo na SIC referentes a hipotéticas alterações na direção do DN”. Entretanto, a notícia deixou de estar disponível.

O Observador sabe, contudo, que a demissão de Baldaia terá já alguns dias, mas terá sido mantida em segredo enquanto os responsáveis do grupo — que além do DN tem o JN, a TSF e o Jogo, e várias revistas — procuram um sucessor. A ideia passará por encontrar alguém com peso no mercado (como é o caso de Miguel Sousa Tavares), mantendo uma equipa de diretores mais executivos. Se tal opção se mantiver, muitos dos actuais membros da equipa de Paulo Baldaia poderiam manter-se no jornal.

A administração tem também em estudo a forte hipótese de o jornal com 154 anos passar a semanário ainda este ano, mantendo durante a semana apenas a edição online, face à queda permanente das vendas em banca. A entrada dos chineses da KNJ Investment na Global Media — Kevin Ho, empresário macaense, injectou 15 milhões de euros no grupo e ficou com 30% do capital, e faz-se representar no CA pelo administrador Paulo Rego –, incluía esses planos de reestruturação no jornal: uma edição semanal ao domingo, uma edição reforçada no digital e no multimédia, uma webtv, e edições online para Macau.

Paulo Baldaia e a sua direção aceitaram o projeto e apresentaram o seus planos, chegando a convidar jornalistas. Mas, nas últimas semanas, tudo mudou. Dentro da própria administração não haverá acordo em relação a algumas opções sobre o futuro. O que terá então levado à demissão de Baldaia do cargo de diretor.

Paulo Baldaia assumiu a direção do DN em setembro de 2016, depois de ter saído da direção da TSF em fevereiro desse ano para assumir os projetos especiais do grupo. Passaria para o Diário de Notícias após a saída de André Macedo.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Política

Os idiotas úteis da esquerda /premium

João Marques de Almeida
1.425

Pacheco Pereira e Marques Lopes querem fazer carreira na comunicação social como os cronistas de direita que atacam a direita. Eles querem ser a “direita” que a esquerda gosta.

Jesus Cristo

Santos da casa também fazem milagres! /premium

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
261

Todas as casas reais peninsulares descendem do profeta Maomé. Há uns séculos, este parentesco era muito indesejável mas ainda poderá ser de grande utilidade, se a Europa for ocupada pelo Islão.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)