Beleza e Bem Estar

A beleza natural feita por abelhas chegou a Portugal

419

Nasceu do amor de dois jovens farmacêuticos pelas abelhas e pela natureza nos anos 70 na Grécia. Depois de vender porta-a-porta, tornou-se um império natural em quinze países e chega agora a Portugal.

Autor
  • Helena Magalhães

Estávamos em 1972 quando, inspirados pela sociedade das abelhas, pela biodiversidade única da natureza grega e pela abordagem holística de Hipócrates (conhecido como o “Pai da Medicina Ocidental”) à beleza, saúde e bem-estar, dois jovens farmacêuticos — Nikos e Niki Koutsiana — criavam o seu primeiro cosmético natural, usando derivados da apicultura e extratos de ervas.

Nascia assim a Apivita que vem das palavras “Apis” (abelhas) e “Vita” (vida). Qualquer coisa como “a vida da abelha” que, neste caso, reflete a filosofia da marca que, desde então, criou uma gama de mais de trezentos cosméticos através de produtos de abelhas naturais, extratos de plantas gregas e óleos essenciais.

Uma história de amor que fez nascer uma marca

A BBC News escrevia em 2013 que, frequentemente, os empresários falam sobre o trabalho árduo, a ideia brilhante que tiveram ou a sorte como os segredos do sucesso. Mas raramente falam sobre o amor. E o amor foi o chave do sucesso da Apivita. Com 19 anos, Niki entrou na pequena farmácia de Nikos e o que seria apenas um estágio no seu primeiro ano na Escola de Farmácia da Universidade de Atenas, transformou-se na sua vida. Niki apaixonou-se por Nikos e também se apaixonou pelas abelhas que a família mantinha e viu aí uma oportunidade de negócio ao juntar o poder dos produtos de abelhas com o poder da natureza e das plantas.

“Se não fosse pela Niki, nunca teria avançado para a criação de um negócio porque estava mais virado para a parte filosófica daquilo que estava a fazer”, disse Nikos à BBC, o que, em última análise, nos mostra que todos temos uma missão na vida uns dos outros e grandes aventuras podem nascer graças ao amor.

Em 2009, a marca fundou a Apigea (uma empresa-irmã) em cooperação com agricultores e apicultores locais para desenvolver protótipos de apiários e quintas orgânicas de camomila, lavanda, salva e outras ervas (imagem de Apivita)

Das vendas porta a porta à exportação para quinze países

O ingrediente chave que deu vida à Apivita que, hoje, comercializa mais de trezentos produtos, foi o própolis, uma resina natural recolhida por abelhas da casca e folhas das árvores (para proteger e manter as colmeias). Inicialmente, Nikos começou a combinar este ingrediente com ervas para produzir produtos naturais para a pele — a ideia de Niki — mas sem nunca pensar nas possibilidades comerciais. Foi Niki quem teve a ideia do primeiro produto que a marca viria a comercializar — um sabão antibacteriano preto que combinava própolis com tomilho.

Na entrevista que o casal deu ao programa “Start-Up Stories” do canal BBC, Niki explicou que para arrancar com o negócio, começou a vender porta-a-porta, indo a todas as farmácias com uma caixa de madeira com sabonetes. Afinal, também não basta só o amor. Tem de haver trabalho árduo para tornar qualquer ideia num sucesso. Nos anos 70, pouco se falava de produtos naturais e holísticos e o mercado grego ansiava pelas marcas internacionais já estabelecidas. Um sabonete natural era algo diferente e pouco comum mas primeiro estranhou-se e, felizmente, depois entranhou-se. O número de farmácias gregas a querer vender os produtos do casal começou a aumentar gradualmente.

Long story short, como dizem os ingleses, depois de anos a explorar a Apivita como um projecto lateral dentro da farmácia onde se conheceram, decidiram dar o próximo passo. Sem fundos, alugaram alguns espaços dentro de outras fábricas para produzir os produtos e começar a tão sonhada exportação. E tudo o resto é história. Hoje, a Apivita exporta para quinze países, tem lojas próprias em várias cidades (como Madrid e Hong Kong), a sua própria fábrica e uma grande loja de quatro andares no centro de Atenas com o seu próprio spa, salão de cabelos e café.

A loja de quatro pisos que existe em Atenas e se chama “Apivita Experience Store”. Tem um Spa, um Hair Studio, um bar, uma sala de aprendizagem e a loja. Fotografia do site Apivita.

O que precisa de saber sobre os produtos Apivita?

Todos os produtos da marca combinam ingredientes ativos naturais, extratos de plantas provenientes da natureza grega, produtos derivados das abelhas com elevado valor nutricional e óleos essenciais orgânicos. As suas formulações incluem uma concentração de ingredientes naturais que varia entre 85-100% e excluem a utilização de silicones, parabenos, óleos minerais, propilenoglicol e outros químicos normalmente usados para conservar os cosméticos. E mais: todos os produtos têm descrito na embalagem a percentagem de ingredientes naturais numa total transparência para com o consumidor.

Inspirada na filosofia de Hipócrates, a Apivita responde às especificidades da pele de cada pessoa de uma forma global, através de produtos que oferecem múltiplas ações: hidratação, proteção dos agressores ambientais, prevenção e tratamento dos sinais de envelhecimento e outras preocupações. E graças aos óleos essenciais puros com certificado 100% orgânico, todos os produtos estimulam, revitalizam e aliviam a tensão e o stress.

A filosofia ecológica da marca procura ainda manter e respeitar o planeta, minimizando tanto quanto possível os materiais utilizados no embalamento dos produtos e maximiza a utilização de matérias-primas recicladas ou com certificação ambiental.

A linha de banho que vai haver em Portugal (imagem de Apivita)

Quais se vão vender em Portugal?

Em Portugal, vão vender-se cerca de noventa dos trezentos produtos que a marca já comercializa, desde produtos para limpeza de rosto, máscaras e exfoliantes, linhas anti-envelhecimento, proteção solar, cuidados capilares, cuidados de corpo, bálsamos labiais, higiene íntima e também alguns cuidados para crianças.

Os produtos mais caros da marca são as linhas anti-envelhecimento com geleia real (a rondar os 80€) mas os restantes já têm preços mais acessíveis como os champôs (a rondar os 14€) e os produtos de corpo (a rondar os 12€). A marca vai também trazer para Portugal um conceito de máscaras e esfoliantes em doses individuais ou duo-doses (rondam os 3€) para promover uma rotina de beleza personalizada às necessidades pontuais da pele. Assim um dia a pele pode precisar de uma limpeza extra e pode usar uma máscara de abóbora mas no dia seguinte a pele talvez precise de algum brilho e pode usar a máscara de romã. Estas mini-doses também existem para os olhos e máscaras capilares.

A Apivita está à venda em farmácias e parafarmácias. Na fotogaleria, conheça alguns dos produtos que já pode experimentar.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: [email protected]
Cancro

Ficção e realidade

João de Bragança

Neste Setembro Dourado para a comunidade que lida com o cancro infantil é tempo de contar histórias reais para alertar quem decide, quem não sabe o suficiente, para que também a realidade faça sentido

História

In memoriam de Franco Nogueira /premium

P. Gonçalo Portocarrero de Almada

“Um homem livre, recto e determinado que lutou, com paixão, pelas suas convicções e pelas suas ideias, (…) para recuperar o espírito que fez a grandeza de Portugal”.

Justiça

Extinguir o Tribunal Central de Instrução Criminal

João Miguel Barros

Escrever que a extinção do TCIC dá um sinal errado à opinião pública porque este foi o “tribunal que mandou prender Sócrates” é não compreender a essência do que é um Tribunal de Instrução Criminal.

Lisboa

Portagens e transporte público

Luís Campos e Cunha

Tal como em outras cidades, deveria existir uma portagem a todos os carros que entram em Lisboa. Se vêm de Sintra ou da Amadora, não importa, são viaturas que utilizam os equipamentos da cidade.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)