A Volkswagen arrancou com a produção do ID.3, o seu primeiro eléctrico da nova vaga, em Novembro, na sua fábrica de Zwickau. Isto apesar de só prever começar a entregá-lo a clientes em Junho. E ainda bem que ofereceu a si própria um prazo anormalmente dilatado para optimizar tudo o que deseja colocar a bordo do modelo, pois têm sido várias as dificuldades com que se deparou, especialmente a nível de software. Mas o fabricante, que é o maior em solo europeu e lidera o maior grupo do mundo, continua a fazer o seu caminho e desta vez revelou alguns dos trunfos que o ID.3 vai oferecer quando chegar ao mercado.

O mais interessante, por ser inovador, é o head-up display (HUD), solução que projecta em frente ao condutor informações necessárias, a começar pelo sistema de navegação. Tradicionalmente, a informação é exibida num pequeno ecrã (essencialmente um rectângulo de vidro), mas nos dispositivos melhores e mais sofisticados a projecção já surge a cores e numa pequena parte do pára-brisas, mais uma vez em frente ao condutor.

O sistema agora revelado pela Volkswagen parece conseguir utilizar quase todo o pára-brisas como HUD, garantindo assim que capta a atenção de quem vai ao volante, que desta forma não necessita de retirar os olhos da estrada. E como se isto não bastasse em matéria de inovação, o fabricante alemão coloca ainda a Realidade Aumentada ao serviço do sistema, optimizando o dispositivo.

Num outro vídeo, a marca germânica mostra como funcionam os comandos do ID.3, que já vimos serem idênticos aos do Seat el-Born, que partilha com este Volkswagen o chassi, mecânicas, baterias e até grande parte das formas. O comando da caixa passa a ser uma extremidade do pequeno painel de instrumentos, para depois o ecrã central concentrar todos os comandos e praticamente sem botões.

O construtor que está apostado em fazer do ID.3 um Golf mais moderno, futurista e eléctrico, mostrou ainda como vai funcionar o sistema de iluminação, que apelida ID.Light. Mas interessante é o Hello ID., que através de comandos por voz permite controlar uma série de funções do veículo, do rádio ao telemóvel, passando pelo sistema de navegação. Com a curiosidade de o tablier possuir uma linha em LED de uma ponta à outra, que comunica luminosamente com o condutor, informando-o, por exemplo, quando recebe uma chamada.