A Free Now (atual junção das antigas My Taxi e Kapten), abriu em Lisboa esta quinta-feira o “centro de apoio tecnológico da marca que dá resposta a todos os utilizadores da app”, anunciou a empresa em comunicado. Este “Hub Free Now” vai ainda prestar apoio “a motoristas, operadores, clientes corporativos e individuais em Portugal, Espanha, França, Itália, Reino Unido e Irlanda”.

Para já, este centro de apoio na Avenida Duque de Loulé, “conta atualmente com um total de 60 colaboradores de nacionalidade portuguesa, francesa, inglesa, espanhola e italiana”. “Em breve”, prevê a empresa, o objetivo é que o número de funcionários “chegue aos 100”.

TVDE, táxis, trotinetas e bicicletas juntas numa só aplicação móvel a partir desta terça-feira

Sérgio Pereira, diretor-geral da empresa em Portugal, diz: “O facto de o Hub Free Now ser em Portugal (…) dá a possibilidade de nos mantermos mais próximos de todos aqueles que mantêm uma ligação com a empresa, sejam colaboradores ou clientes”.  E continua: “A Free Now pretende que este hub seja mais do que um centro de apoio, seja sim um centro de apoio tecnológico que tem capacidade de prestar outro tipo de serviços, seja na área da qualidade, da tecnologia em si, formação e serviços administrativos”.

Num momento em que verificamos uma retoma à “nova normalidade”, acreditamos que, em breve, serão necessários mais recursos para atender às necessidades de todos aqueles que, de alguma forma, colaboram connosco”, diz o diretor-geral da Free Now.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A Free Now, que, além dos táxis concorre com plataformas TVDE como a Uber ou a Bolt, diz ter 8.000 motoristas, 2.500 táxis, 800 trotinetas e 90 bicicletas elétricas disponíveis na sua app.

Não é só a Uber. Free Now também quer integrar Kapten, táxis, bicicletas e trotinetes numa só app

À semelhança agora da Free Now, a Uber tem também em Lisboa um centro europeu de apoio desde 2017, apelidado de Centro de Excelência. Em junho deste ano, esta empresa de TVDE teve de despedir cerca de 30% dos funcionários devido às dificuldades que a pandemia da Covid-19 criou no setor.

O grupo Free Now – que resulta de uma parceria do Grupo BMW e da Daimler AG – está atualmente presente em mais de 150 cidades em toda a Europa e na América Latina, disponibilizando os seus serviços a mais de 41 milhões de utilizadores em 17 mercados.