Logo Observador
Dia dos Namorados

Um quarto, algemas e uma máscara. Hotel no Porto recria cenário das Cinquenta Sombras de Grey

2.888

Quartos decorados com alguns móveis iguais ao do filme, algemas, gravatas e máscaras. O Hotel Infante Sagres, no Porto, vai recriar o cenário das "Cinquenta Sombras de Grey" no São Valentim.

Não é vermelha, como o quarto criado por Christian Grey para matar os seus desejos sexuais, mas quem decidir passar a noite dos namorados na suite Boca do Lobo, ou outro dos quartos do Hotel Infante Sagres vai ter direito a um presente – uma gravata, uma máscara e algemas -, e a várias surpresas que prometem transportar os hóspedes para o cenário das “Cinquenta Sombras de Grey”.

Com mais de 50 anos de história, o Hotel Infante Sagres (5 estrelas), na baixa do Porto, decidiu recriar o cenário do filme que estreia nas telas de cinema no dia 12 de fevereiro e que é provavelmente o mais aguardado do ano. Este hotel é o showroom oficial da marca portuguesa Boca do Lobo, que produziu mais de 30 peças de mobiliário presentes no apartamento do milionário Christian Grey, a personagem principal do livro.

A suite Boca do Lobo (fotogaleria com imagens da suite) deverá ser a mais desejada e o Hotel contará com a parceria da Castebel e da loja Fruto Proibido para levar a cabo as várias surpresas.

O jantar de São Valentim (sem bebidas incluídas) e a estadia em quarto duplo classic na noite de 14 de fevereiro, com o pequeno-almoço buffet incluído custa 230 euros.

“Cinquenta sombras de Grey” é o primeiro romance de uma trilogia publicada entre 2011 e 2012 pela autora britânica E.L.James. A história centra-se na relação e nos jogos sexuais entre Christian Grey, multimilionário de 27 anos, e Anastasia Steele, estudante universitária, e já foi traduzida em 51 idiomas, tendo vendido mais de 100 milhões de cópias em todo o mundo, segundo as contas da editora.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: mcarrico@observador.pt
Família

O casamento tem a ver com amor e não com dever

António Pimenta de Brito

A pergunta de qualquer pessoa, católica ou não, é: conseguirei eu ser feliz numa relação toda a vida, manter o romantismo e a minha individualidade, ao mesmo tempo que tenho filhos e trabalho?

Presidenciais em França

Macron, um Presidente sozinho

Alexandre Homem Cristo

O que há a festejar na (quase certa) eleição de Macron, na segunda volta, para além do facto de ele não ser Le Pen? Nada. Ele é um homem sozinho e sem força política para reformar uma França decadente