Apple

Tem um iPhone ou iPad? Conheça 17 novidades do iOS 11

282

O novo sistema operativo para iPhone e iPad (e iPod Touch) já está disponível para download gratuito. Além de novas funções e aplicações, muda a forma como interage com os dispositivos da Apple.

O iOS 11 é lançado esta terça-feira, dia 19, mas já se encontra em fase pública de testes desde o final de junho

Mais multitarefas, um novo centro de controlo, modo condução e um modo SOS, são algumas das novidades do iOS 11, o novo sistema operativo para dispositivos móveis da Apple, já disponível para download gratuito.

Como instalar?

Aceda às definições do iPhone ou iPad, depois a Geral > Atualização de Software > Descarregar e instalar. O iOS 11 apenas está disponível para os modelos a partir do iPhone 5s (inclusive), iPad Mini 2,3 e 4, iPad Air, Air 2, Pro e 5ª geração (2017), bem como iPod Touch 6ª geração.

Vale mesmo a pena?

Regra geral, sim. A cada atualização é reforçada a segurança e o desempenho do software e do equipamento. Contudo, se o seu modelo de iPhone ou iPad está no limite da linha de atualização, não será má ideia esperar uns dias antes de proceder à atualização. Se o desempenho dos modelos mais antigos ficar muito comprometido ou se existirem falhas graves, elas serão rapidamente expostas.

Outro detalhe que vale a pena reter: no iOS 11, algumas aplicações mais antigas poderão deixar de funcionar (o novo sistema operativo vai deixar de suportar aplicações com arquitetura 32-bit). Essa incompatibilidade pode ser verificada em Definições > Geral > Acerca > Aplicações.

E o que há de novo?

O iOS 11 traz algumas novidades de fundo, sobretudo para os utilizadores de iPad, onde algumas mudanças são mais significativas. De uma App Store redesenhada a uma “nova” Siri, compilámos as principais novidades.

App Ficheiros

Uma aplicação para todos os documentos ficarem organizados num só local. Com uma secção para os documentos mais recentes, torna-se mais fácil explorar o que tem guardado na iCloud Drive. Esta nova app — que, na prática, é uma pasta de ficheiros — permite ainda agregar documentos armazenados em serviços como o Dropbox e o Google Drive.

Drag and Drop

No iPad, pode abrir duas aplicações em simultâneo (uma ao lado da outra) e arrastar ficheiros de uma para a outra. Por exemplo, fotografias e email: para compor uma mensagem com uma imagem, basta arrastá-la com o dedo para o corpo do email.

Centro de controlo redesenhado

O novo “centro de controlo” tem um novo design e, mais importante, passou a ser customizável, ou seja, passou a ser possível adicionar ou retirar ícones. Além disso é mais compacto, agregando mais acessos rápidos. Por exemplo, deixa de ser preciso mudar de “página” para controlar o som, como acontece com o iOS 10.

ecrã bloqueio ios 11

Este é o aspeto do novo centro de controlo do iOS 11

Modo Condução

Esta nova funcionalidade deteta quando está a conduzir e avisa quem tentar contactá-lo, através do envio automático de uma mensagem escrita. Usando o GPS para perceber quando se desloca a uma velocidade rápida, o iOS 11 quer melhorar a segurança na estrada. Se for o passageiro poderá ser um incómodo, pois a funcionalidade é automática, mas pode ser desativada.

App Store redesenhada

Não é só no aspeto que muda a loja de aplicações do iOS. Com uma secção para recomendações diárias e mais informações sobre as aplicações que pode descarregar, esta “nova experiência” muda a forma como procura ou descobre aplicações ou jogos.

nova appstore

O novo look da nova App Store no iPhone

Modo SOS

É uma funcionalidade que nunca vamos querer usar: premir cinco vezes seguidas o botão de bloqueio faz aparecer no ecrã uma opção para chamar o 112, desativando automaticamente o Touch ID.

Novos emojis

A nova gaveta de imagens nas mensagem tem “smiles” redesenhados. Quando chegar o iPhone X (em novembro), o iOS 11 irá permitir fazer “animojis”, ou seja, emojis animados que imitam as expressões faciais do utilizador.

novos emojis iPhone

Os novos emojis do iOS 11

Capturas de ecrã e vídeo

Não só tirar fotografias ao que vê no ecrã fica mais fácil (podendo dar um nome à imagem), como passa a ser possível gravar vídeos do que está a acontecer no ecrã.

“Teclar” com uma mão

O iOS 11 vai facilitar a escrita com uma mão. Ao premir continuamente a tecla globo ou emoji, o teclado vai deslocar-se para o lado do polegar que usa, tornando mais fácil o acesso ao teclado.

teclar com uma mão iOS 11

O ecrã aproxima-se do lado do polegar

Configuração automática em novos dispositivos

Graças à funcionalidade NFC, ao aproximar um iPhone ou iPad de outro novo, algumas definições pessoais e o ID Apple são exportados para o novo equipamento, sem a necessidade de inserir dados ou passwords.

Scanner para Notas

A app Notas deteta com a câmara documentos físicos e grava-os no dispositivo. Basta fotografar para que seja feita a digitalização de um documento, que podem ser depois enviado por email.

Siri tradutora e com nova voz

Além de uma forma mais “real” de dizer as palavras, o assistente pessoal da Apple adquiriu tons diferentes ao falar e tradução incluída (entre inglês, chinês, espanhol, francês, alemão e italiano).

Novas opções no teclado para iPad

Vai deixar de ser preciso alternar o teclado para adicionar caracteres especiais. No iOS 11 tudo está no mesmo teclado, basta deslizar o dedo na tecla com a pontuação ou símbolo até ele aparecer.

novo teclado ipad ios 11

Ao deslizar o dedo é possível aceder a símbolos e números sem ter de alterar o teclado. Na imagem vê-se a tecla S a ser usada para inserir um cardinal

Nova doca de trabalho para iPad

Tal como nos macOS, a nova “doca de trabalho” é uma barra que permite, com um deslizar de dedo, aceder facilmente às apps mais usadas ou até às que abriu mais recentemente noutros dispositivos Apple. Além disso, pode tirar ou acrescentar atalhos para as aplicações, de maneira idêntica ao sistema operativo do computador.

Qual é a palavra-passe do Wi-Fi?

É uma pergunta que pode desaparecer. Aquelas passwords com 20 caracteres, com números, pontuação símbolos e intercalação de letras maiúsculas com minúsculas tornam-se mais fáceis de inserir com a nova funcionalidade de partilha. Basta pegar no dispositivo Apple perto do de alguém que precise de aceder à rede e automaticamente o código de entrada na rede Wi-Fi é transferido.

Realidade Aumentada, muita realidade aumentada

Desde redecorar a casa ao apontar o iPhone para a sua sala ou até ver como ficava com uma tatuagem, a Realidade Aumentada (RA) é uma das novas apostas do iOS que quer ser a maior plataforma de RA do mundo. São de esperar novas aplicações para levar esta tecnologia a novos patamares (as orelhas de coelho no Instagram foram apenas o início). O ARkit permite aos programadores criar apps que acrescentam dados digitais ao mundo real que o iPhone vê ao usar uma das câmaras.

Fotografias mais “leves”

As fotografias tiradas com iPhone e iPad vão ocupar menos memória. Segundo a Apple, graças à nova tecnologia de compressão, ocupam até menos metade do espaço que na versão anterior do iOS.

Além das novidades visíveis, o iOS 11 traz, de acordo com a Apple, mais segurança e melhor desempenho. Encontra nesta página outros destaques.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: mmachado@observador.pt
Inovação

A emergência do 4º setor

António Covas

Neste século XXI temos de decidir sobre a dosagem de Estado Social (mais dívida, impostos e emprego público) e de economia colaborativa e partilhada (menos impostos, mais emprego privado e partilhado)

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site